HomeDiagramsDatabaseMapsForum About
     

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Regiões Metropolitanas Mundiais


Reply

 
Thread Tools Display Modes
     
     
  #261  
Old Posted Oct 24, 2011, 4:25 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Lei prevê revitalização das passagens subterrâneas


Por medo de assalto, pedestres se arriscam nas pistas movimentadas do Eixão

As condições precárias das passarelas subterrâneas do Distrito Federal são motivo de reclamação da população há vários anos. Sujas, com cheiro de urina, mau iluminadas, até mesmo durante o dia e frequentadas diariamente por usuários de drogas, o que era para ser um conforto para o pedestre que precisa atravessar o Eixão, tornou-se um grande pesadelo.

Com objetivo de revitalizar esses espaços, foi sancionado o projeto de Lei “Adote uma passagem subterrânea no Plano Piloto”. De autoria do deputado distrital Evandro Garla (PRB), a iniciativa propõe que comerciantes, empresários, moradores e artistas da cidade promovam a recuperação das 16 passarelas subterrâneas da Asa Sul e Norte, firmando parcerias com o governo.

O projeto, que tem o prazo de 90 dias para ser regulamentado, prevê parcerias entre governo e interessados que “desejem manter e explorar as passagens subterrâneas”, recuperar as passagens subterrâneas, por meio de limpeza e reparação dos locais com a criação de espaços para exposição de artistas, artesãos e pequenos eventos culturais, além da instalação de painéis publicitários com proteção de impactos



Há anos elas se encontram abandondas, sujas e perigosas


Segundo a assessora de Atendimento à Comunidade da Administração de Brasília, Cláudia Maya, nos três meses seguintes serão elaboradas propostas com os órgãos competentes do GDF e a comunidade interessada em revitalizar os espaços. De acordo com

Cláudia, nos próximos 90 dias ficará definido como será feita a adoção. “O projeto abre a possibilidade para que além do governo, a sociedade se envolva na recuperação das passagens subterrâneas, e reafirma a ideia de que os espaços podem ser de divulgação cultural”, comentou Maya. “A questão do investimento será vista na regulamentação do projeto”, acrescentou.

Muitos pedestres preferem arriscar a vida atravessando as pistas movimentadas do Eixão do que passar pelas passagens subterrâneas. É o caso da auxiliar administrativa Lúcia Clara dos Santos, 35 anos. “É tudo muito escuro, não oferece segurança nenhuma. Desisti de passar por elas no dia que fui assaltada à luz do dia na 209/210 Sul. Prefiro passar pelas pistas do que me arriscar nas passagens”, contou.

De acordo com o Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), até o momento nenhum comunicado chegou ao órgão para autorizar a revitalização das passagens. A manutenção deve passar pelo crivo do Iphan, porque a capital federal é tombada como Patrimônio Cultural da Humanidade. A Administração de Brasília esclareceu que o projeto ainda será discutido com o Iphan e a Secretaria de Cultura nos próximos dias.













http://www.alo.com.br/noticias/ultim...Noticia=143339
Reply With Quote
     
     
  #262  
Old Posted Oct 24, 2011, 7:45 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Sistema de esgoto será instalado em quadras



Melhoria vai chegar às quadras QI 26, QL 26, QI 27, QI 28, QL 28 e QI 29 da regional a partir do próximo ano


Vista panorâmica do Lago Sul. Algumas quadras vão receber sistema de esgoto e obras vão se iniciar no primeiromês de 2012

As quadras QI 26, QL 26, QI 27, QI 28, QL 28 e QI 29 vão receber sistema de esgoto. A obra iniciará em janeiro de 2012 e terminará em 2013. O serviço será executado pela Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb). De acordo com as informações repassadas pela assessoria da Administração Regional, a companhia levará o sistema até a entrada das quadras e os moradores custearão a distribuição do serviço de esgoto até as residências. Se o ramal passar pela área verde da casa o investimento será de R$ 860,00. Se o sistema passar pelo jardim da residência o valor cobrado será de R$ 1.204,00 e, se passar pela calçada, R$ 1.386,80.


O valor poderá ser dividido em até oito vezes cobrados em conta de água residencial. Ainda segundo as informações da regional, a Caesb vai marcar reuniões com os moradores por conjuntos para definir por onde os ramais irão passar. Os encontros com os moradores começarão neste mês e terminarão em março do próximo ano.











http://coletivo.maiscomunidade.com/c...QUADRAS.pnhtml
Reply With Quote
     
     
  #263  
Old Posted Oct 25, 2011, 5:27 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,874
Quote:
Originally Posted by MAMUTE View Post
Sistema de esgoto será instalado em quadras



Melhoria vai chegar às quadras QI 26, QL 26, QI 27, QI 28, QL 28 e QI 29 da regional a partir do próximo ano


Vista panorâmica do Lago Sul. Algumas quadras vão receber sistema de esgoto e obras vão se iniciar no primeiromês de 2012

As quadras QI 26, QL 26, QI 27, QI 28, QL 28 e QI 29 vão receber sistema de esgoto. A obra iniciará em janeiro de 2012 e terminará em 2013. O serviço será executado pela Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb). De acordo com as informações repassadas pela assessoria da Administração Regional, a companhia levará o sistema até a entrada das quadras e os moradores custearão a distribuição do serviço de esgoto até as residências. Se o ramal passar pela área verde da casa o investimento será de R$ 860,00. Se o sistema passar pelo jardim da residência o valor cobrado será de R$ 1.204,00 e, se passar pela calçada, R$ 1.386,80.


O valor poderá ser dividido em até oito vezes cobrados em conta de água residencial. Ainda segundo as informações da regional, a Caesb vai marcar reuniões com os moradores por conjuntos para definir por onde os ramais irão passar. Os encontros com os moradores começarão neste mês e terminarão em março do próximo ano.











http://coletivo.maiscomunidade.com/c...QUADRAS.pnhtml
Isso porque muitos foristas do outro forum AFIRMAVAM que TODO lago sul tinha sistema de esgoto bem como o Park Way. Tudo conversa para boi dormir.

Alguém viu no jornal ontem, parecia piada, os carros do DETRAN, quase toda frota estava com licenciamento VENCIDO. E eles querem cobrar o licenciamento dos carros particulares se os próprios carros deles não tem. Não seria interessante guinchar os veiculos do DETRAN. Ou jogar essa piada na cara de um agente do DETRAN.

"Cara você não tem MORAL de cobrar o licenciamento do meu carro PARTICULAR se o seu próprio carro do DETRAN não tem licenciamento... Parece Piada né";
Reply With Quote
     
     
  #264  
Old Posted Oct 25, 2011, 7:43 PM
Jota's Avatar
Jota Jota is offline
Registered User
 
Join Date: Sep 2011
Posts: 3,488
Quote:
Originally Posted by pesquisadorbrazil View Post
Isso porque muitos foristas do outro forum AFIRMAVAM que TODO lago sul tinha sistema de esgoto bem como o Park Way. Tudo conversa para boi dormir.

Alguém viu no jornal ontem, parecia piada, os carros do DETRAN, quase toda frota estava com licenciamento VENCIDO. E eles querem cobrar o licenciamento dos carros particulares se os próprios carros deles não tem. Não seria interessante guinchar os veiculos do DETRAN. Ou jogar essa piada na cara de um agente do DETRAN.

"Cara você não tem MORAL de cobrar o licenciamento do meu carro PARTICULAR se o seu próprio carro do DETRAN não tem licenciamento... Parece Piada né";
Detran é o minimo, ou vc acha que os predios do governo por acaso tem projetos aprovados? A CEASA por exemplo é toda irregular, nem processo aquela desgraça tem.
Reply With Quote
     
     
  #265  
Old Posted Oct 25, 2011, 9:04 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
GDF e UnB devem R$ 59 milhões em contas de água



Sedest negocia repasse de benefício dado a pessoas carentes, diz Caesb


A Universidade de Brasília (UnB) e as secretarias de Desenvolvimento Econômico e Social (Sedest) e de Fazenda do Distrito Federal (Sefaz) devem juntas R$ 59 milhões em contas de água atrasadas, segundo a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb). A empresa cobra a dívida na Justiça e por meio de processo administrativo. A universidade e as secretarias figuram como as três maiores devedoras da Caesb.

A UnB nega ter dívida por atraso de conta, mas reconhece a existência da cobrança judicial, embora alegue não ser responsável pelo pagamento. A Sefaz contesta judicialmente a cobrança da dívida, mas informou ao G1 que não se manifestaria sobre o assunto. Procurada, a Sedest não se pronunciou até a publicação desta reportagem.

No caso da Sefaz, a dívida é discutida na Justiça há mais de dez anos. O valor atualizado supera os R$ 35 milhões, segundo o diretor de comercialização da Caesb, Valtrudes Franco. A dívida seria fruto de benefícios concedidos à cervejaria Skol Caracu, hoje Ambev.

O processo sobre o caso tramita na Justiça do DF. O desconto nas contas de água da cervejaria foi estabelecido em contrato assinado em 1998 com a Caesb. O documento definia que a empresa pagaria menos nos meses em que houvesse incremento na arrecadação de ICMS desde que lançasse dejetos tratados na rede de esgoto. O desconto seria restituído à Caesb pelo GDF, por meio da secretaria de Fazenda.

Mas, segundo o Tribunal de Contas do DF, a empresa não cumpriu o acordado e a Caesb passou a exigir pagamento de tarifas normais a partir de agosto de 1999. A cervejaria entrou com um pedido de liminar para continuar com o benefício, negada em 1ª e 2ª instâncias pela Justiça do Distrito Federal.

Antes que o mérito fosse julgado, a Caesb e a Skol fecharam acordo garantindo a continuidade dos benefícios e o fim da ação de cobrança.

A partir daí, a Fazenda não quis mais repassar os valores descontados da conta à Caesb, segundo o Tribunal. Na Justiça, a secretaria alegou que não participou na negociação, nem foi informada formalmente sobre ela.

Diante da negativa de ressarcimento, a Caesb suspendeu o desconto em 2003 e, desde então, a responsabilidade pela dívida vem sendo questionada judicialmente.

Segundo Franco, a Caesb não tem como pressionar por esses pagamentos como faz com os pequenos devedores, cortando o fornecimento de água. "É um serviço público que não pode parar. É um ente público e sabemos que um dia vamos receber", afirmou.

UnB

O caso da UnB se refere à lei distrital 227/92 que concedia isenção de tarifas de água às entidades de utilidade pública do DF. A lei teve sua constitucionalidade contestada no Supremo Tribunal Federal e em 2005 acabou sendo revogada. Com base nela, a UnB não pagou pela água consumida entre 1998 e 2004, período sobre o qual a Caesb reivindica pagamento.

A dívida é de R$ 17 milhões, de acordo com Franco. Ele diz que a UnB nunca pagou suas contas de água “direito”, o que é contestado pelo chefe de gabinete da reitoria, Davi Diniz.

“Não temos cobrança administrativas de valores de conta em aberto. Como são muitos registros dentro do campus, existe uma conta que pode atrasar uns dois meses por causa de uma questão administrativa ou um vazamento inesperado, mas é pago. O que existe são os processos judiciais”, disse.

Segundo Diniz, o GDF entende que a lei 227/92 não se aplicava à UnB e por isso passou a questionar os valores em quatro processos judiciais. Diniz afirma que dois foram julgados em agosto deste ano com parecer favorável à universidade, a isentando de pagamentos milionários e deixando apenas uma dívida de R$ 150 mil, que já teria sido paga. Outros dois estão em tramitação.

Sedest

A situação da Sedest é a única que ainda não foi parar na Justiça. A Caesb informou que tem se reunido com representantes da secretaria para negociar a dívida, calculada em torno de R$ 7 milhões. O valor seria fruto de descontos concedidos a consumidores de baixa renda, por meio do programa Vida Melhor.

Segundo a Caesb, o programa previa a cobrança de apenas 30% da tarifa de água de pessoas inscritas no programa com consumo mensal de até 15m³. Os 70% restantes seriam subsidiados pela Sedest. Mas, de acordo com Franco, o repasse nunca foi feito.











http://www.maisbrasilia.com/mb2011/n...de_%E1gua.html
Reply With Quote
     
     
  #266  
Old Posted Oct 25, 2011, 11:46 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Tribunal de Contas do DF ordena devolução de R$ 7,42 milhões

Em uma decisão tomada na tarde de ontem, o Tribunal de Contas do DF (TCDF) determinou à Secretaria de Transparência do governo local que tome providências no sentido de declarar a inidoneidade da empresa Prodata Tecnologia e Sistemas Avançados LTDA. Auditoria realizada pela 1ª Inspetoria de Controle Externo (ICE) do tribunal aponta que, dos R$ 39 milhões pagos em contratos assinados entre a firma e Companhia de Desenvolvimento do Planalto Central (Codeplan), R$ 5.677.577,91 foram considerados irregulares, mediante fraude que resultou em prejuízo, em valor atualizado, de R$ 7,42 milhões. O dinheiro é cobrado solidariamente de dirigentes da Prodata e de gestores da Codeplan à época dos convênios. Entre os condenados está Durval Barbosa, o delator da Caixa de Pandora.

A declaração de inidoneidade é uma punição considerada grave, que impede a empresa atingida de voltar a manter parceria com o poder público. Foi justamente esse o remédio jurídico sugerido pela equipe técnica do TCDF, após a descoberta de que serviços de software foram pagos pela Codeplan à Prodata sem que tenha havido "qualquer comprovação nos documentos relativos à execução dos ajustes". Os contratos tinham como objeto prestação de consultoria, de operacionalização e de manutenção de soluções em tecnologia de informação para as secretarias de Educação e de Saúde.

Auditores responsáveis pela investigação ainda revelaram que "o material encaminhado pela empresa para perícia técnica e utilizado como prova de realização de serviços sob o regime de ‘Fábrica de Software’ apresentou indícios de falsidade ideológica e violação de direito autoral". Diante das evidências, a Corte de Contas decidiu, por maioria, exigir a devolução de parte do dinheiro pago à Prodata correspondente aos valores sobre os quais há dúvida da execução dos serviços. Cabe, agora, ao governo tomar as providências para impedir que a empresa volte a fazer negócios com o Executivo. O secretário de Transparência, Carlos Higino, afirmou que a pasta dará prioridade ao caso. "Já abrimos processo de mesma natureza com relação a outras empresas, mas todas as situações que vêm do tribunal, nós damos atenção especial", disse. Ele lembra que firmas como a Adler, a Linknet, a Cap Brasil e a Danluz já foram consideradas impróprias para oferecer serviços ao GDF.










http://www.correiobraziliense.com.br...-milhoes.shtml
Reply With Quote
     
     
  #267  
Old Posted Oct 25, 2011, 11:51 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Lei do DF de estacionamento grátis é inconstitucional, diz TJ


Governador aprovou em agosto gratuidade em shoppings e mercados.
Entidade dos shoppings já tinha conseguido suspensão temporária.




A lei distrital que proíbe a cobrança de estacionamentos em shoppings e supermercados foi considerada inconstitucional pela 5ª Vara Pública do Distrito Federal. A decisão é desta segunda-feira (24), mas foi divulgada apenas nesta terça (25).

O juiz que analisou o caso, Rômulo de Araújo Mendes, acatou mandato de segurança impetrado pela Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) em setembro e determinou que o GDF e a Agência de Fiscalização (Agefis) não podem multar, autuar ou cassar a licença de funcionamento dos estabelecimentos representados pela Abrasce.

De acordo com a entidade, a lei é inconstitucional porque fere o direito dos estabelecimentos comerciais de administrar livremente suas propriedades e de cobrar pelo seu uso. Sancionada pelo governador no final de agosto, a lei proibia a cobrança de estacionamento para deficientes físicos, idosos e consumidores que comprovassem compras de valor equivalente ao dobro da taxa cobrada pelo estacionamento


A lei também aumentava de 15 minutos para uma hora o tempo máximo de permanência nos estacionamentos sem que os motoristas tivessem que pagar.

Antes da aprovação da lei, a Procuradoria Geral do DF já havia se manifestado pela inconstitucionalidade do então projeto nº 125/2011, que se transformou na Lei 4.624/2011. Na sentença, Mendes diz que a lei distrital trata de matéria já reconhecida pela justiça de outros estados e também pelo Supremo Tribunal Federal como de competência exclusiva da União, já que trata de direito civil.

Para o magistrado, a lei distrital impõe aos estabelecimentos comerciais comportamento que viola a Constituição Federal, à medida que limita o livre exercício do direito de propriedade e fere o princípio constitucional da livre iniciativa.







http://g1.globo.com/distrito-federal...al-diz-tj.html
Reply With Quote
     
     
  #268  
Old Posted Oct 25, 2011, 11:53 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Estava na cara que não ia dar em nada
Reply With Quote
     
     
  #269  
Old Posted Oct 26, 2011, 2:13 PM
Jota's Avatar
Jota Jota is offline
Registered User
 
Join Date: Sep 2011
Posts: 3,488
Quote:
Originally Posted by MAMUTE View Post
Lei do DF de estacionamento grátis é inconstitucional, diz TJ

Governador aprovou em agosto gratuidade em shoppings e mercados.
Entidade dos shoppings já tinha conseguido suspensão temporária.


A lei distrital que proíbe a cobrança de estacionamentos em shoppings e supermercados foi considerada inconstitucional pela 5ª Vara Pública do Distrito Federal. A decisão é desta segunda-feira (24), mas foi divulgada apenas nesta terça (25).

O juiz que analisou o caso, Rômulo de Araújo Mendes, acatou mandato de segurança impetrado pela Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) em setembro e determinou que o GDF e a Agência de Fiscalização (Agefis) não podem multar, autuar ou cassar a licença de funcionamento dos estabelecimentos representados pela Abrasce.

De acordo com a entidade, a lei é inconstitucional porque fere o direito dos estabelecimentos comerciais de administrar livremente suas propriedades e de cobrar pelo seu uso. Sancionada pelo governador no final de agosto, a lei proibia a cobrança de estacionamento para deficientes físicos, idosos e consumidores que comprovassem compras de valor equivalente ao dobro da taxa cobrada pelo estacionamento

A lei também aumentava de 15 minutos para uma hora o tempo máximo de permanência nos estacionamentos sem que os motoristas tivessem que pagar.

Antes da aprovação da lei, a Procuradoria Geral do DF já havia se manifestado pela inconstitucionalidade do então projeto nº 125/2011, que se transformou na Lei 4.624/2011. Na sentença, Mendes diz que a lei distrital trata de matéria já reconhecida pela justiça de outros estados e também pelo Supremo Tribunal Federal como de competência exclusiva da União, já que trata de direito civil.

Para o magistrado, a lei distrital impõe aos estabelecimentos comerciais comportamento que viola a Constituição Federal, à medida que limita o livre exercício do direito de propriedade e fere o princípio constitucional da livre iniciativa.

http://g1.globo.com/distrito-federal...al-diz-tj.html
Puá, puá, puááááááááá

E ainda teve tolinho que achou que isso era serio. CLDF é a especialista em criar leis "ilegais", populistas e inuteis.
Reply With Quote
     
     
  #270  
Old Posted Oct 26, 2011, 4:16 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Renda do trabalhador brasiliense aumenta 12%


Em quatro anos, o salário dos operários da indústria passou de R$ 1.095 para R$ 1.264


O mercado de trabalho do Distrito Federal teve um aumento de 12% no seu rendimento médio, entre 2007 e 2010. Nos quatro anos, o salário do brasiliense passou de uma média de R$ 1.772 para R$ 1.992. Até mesmo o setor industrial do DF, que não tem uma grande expressão nacional, foi beneficiado pelo rendimento, conseguindo proporcionalmente o maior aumento do país na renda dos trabalhadores, alcançando 15,43%. Os dados são do Anuário do Sistema Público de Emprego, Trabalho e Renda, lançado ontem (25) pelo Ministério do Trabalho em parceria com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).



Setor Industrial é responsável por até 4% do mercado de trabalho no Distrito Federal


Estados como São Paulo e Belo Horizonte, que possuem forte representação industrial e uma das fatias principais do seus mercados de trabalho, alcançaram respectivamente 6,44% e 13,08% de aumento nos quatro anos analisados pelo anuário. No DF, a industria é responsável por até 4% do mercado de trabalho, quantitativo ainda inexpressivo comparado aos principais responsáveis por empregos locais, concentrados no setor de serviços, que inclui a área pública e privada.

O salário dos trabalhadores das industrias do DF aumentou uma média de R$ 1.095 para R$ 1.264 nos quatro anos. Apesar da variação da renda ter sido a maior do país, o Distrito Federal ainda ocupa o quinto lugar no ranking nacional, das sete regiões metropolitanas analisadas no anuário. São Paulo continua em primeiro, seguido por Salvador, Belo Horizonte e Porto Alegre. O DF ficou a frente apenas do Recife e Fortaleza.

De acordo com o supervisor do Dieese, Clóvis Scherer, o fato dos empregos no Distrito Federal estarem mais vinculados aos serviços públicos ajudou no aumento do rendimento. “Além do excelente desempenho, a taxa de desemprego do DF se manteve estável, apesar da crise que o país viveu em 2008 e 2009”, afirmou Scherer. “Em 2009 não houve no DF um comportamento de demitir as pessoas do setor público, como o que ocorreu nas industrias. Ao contrário, continuaram a contratar. Isso acabou fazendo com que o DF não tivesse uma crise no setor industrial, como no resto do pais, devido ao forte laço que temos com setor público”.








http://www.alo.com.br/noticias/ultim...Noticia=143757
Reply With Quote
     
     
  #271  
Old Posted Oct 26, 2011, 4:24 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Aos poucos a industria do DF vai ganhando força
Reply With Quote
     
     
  #272  
Old Posted Oct 26, 2011, 9:33 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
TJ manda GDF transferir R$ 143 mil a paciente para compra de remédio


Em tratamento contra câncer, doente precisa de 44 frascos de medicamento.
Valor deve ser transferido de imediato; decisão é liminar e não cabe recurso.




O Tribunal de Justiça do Distrito Federal ordenou o bloqueio de R$ 143.464,64 dos cofres públicos e a transferência do valor para a conta de um paciente, para que ele possa comprar a medicação que necessita para tratar um câncer de medula. A decisão é liminar.

O GDF disse ao G1 que ainda não foi comunicado e que vai esperar isso ocorrer para analisar quais procedimentos pode adotar.

Segundo o tribunal, o dinheiro deve ser transferido imediatamente à conta do paciente. Para receber a quantia, ele deverá firmar compromisso de prestar contas à Justiça, sob pena de responsabilização civil e criminal.

O paciente afirmou que o tratamento prescrito a ele prevê 44 frascos do medicamento Bortezomide. Em outubro de 2010, diz ter solicitado o remédio à Secretaria de Saúde, mas teve o pedido negado. Diante disso, ele entrou com ação no TJ, que determinou o fornecimento imediato. O tribunal disse que a ordem judicial foi descumprida e reiterada diversas vezes, sem sucesso.

Então, o paciente formulou pedido de multa diária por descumprimento da ordem judicial, também acatado pelo TJ. Foi fixada penalização diária de R$ 1 mil até R$ 15 mil caso a ordem não fosse obedecida. Diante das sucessivas negativas, ele pediu o bloqueio do montante necessário ao custeio do tratamento.

De acordo com o desembargador, relator do recurso, não há justificativa para o descumprimento da ordem judicial. Ele disse que essa atitude "relega a um patamar rasteiro o direito à vida e o direito à saúde, que são assegurados pela Constituição a todos os brasileiros".

Cirurgia de catarata
Pacientes internados no Hospital de Base para operar de catarata disseram que o medicamento Metilcelulose, necessário para a realização do procedimento, está em falta. De acordo com Genilvaldo Souza, a cirurgia da mãe dele, que tem 82 anos, deveria ocorrer nesta terça-feira (25), mas foi desmarcada devido à falta do medicamento.

Ele disse que situação semelhante vem acontecendo com outros pacientes desde o início da semana. Procurada pelo G1, a Secretaria de Saúde informou que o remédio chegou nesta quarta-feira (26) ao Hospital de Base e que os procedimentos serão retomados nesta quinta.

A pasta disse ainda que o medicamento estava em falta há duas semanas. Até a publicação desta reportagem, a secretaria não respondeu quantas cirurgias foram desmarcadas.














http://g1.globo.com/distrito-federal...e-remedio.html
Reply With Quote
     
     
  #273  
Old Posted Oct 28, 2011, 12:31 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Funcionários da CEB podem entrar em greve no dia 3



Os funcionários da Companhia Energética de Brasília (CEB) podem entrar em greve no próximo dia 3 de novembro. Em assembléia realizada no fim da tarde desta quinta-feira (27), a categoria decidiu que, se durante esses seis dias não houver negociação, eles irão parar.


Os trabalhadores reivindicam um realinhamento salarial para os funcionários antigos, salário de permanência para os servidores que entraram no ano passado por meio de concurso público, abono salarial, inclusão de plano odontológico também para os novos funcionários, entre outros.


De acordo com o diretor do Sindicato dos Urbanitários do Distrito Federal (Stiu-DF) Jeová Pereira, o objetivo principal da paralisação é garantir uma proposta que atenda minimamente a demanda da categoria. “Se não houver melhoria na proposta apresentada pela CEB a nossa paralisação já está deliberada”, disse.


“O que a gente quer é ir agregando os nossos benefícios para os novos trabalhadores paulatinamente. Até porque nós sabemos que a empresa não pode arcar com tudo de uma vez”, acrescentou o diretor.


Para o servidor Eduardo Candotti, a empresa está ferindo o princípio de igualdade. “Eles cometem uma desigualdade quando decidem não estender o acordo, que rege os funcionários da CEB, para todos os funcionários recém-contratados do último concurso”, reivindica.


Este acordo citado pelo servidor é de 2009/2011. Ele determina o que foi combinado entre a empresa e os servidores acerca das reivindicações trabalhistas na época. O acordo vence nesta segunda-feira (31).














http://www.jornaldebrasilia.com.br/s....php?id=372153
Reply With Quote
     
     
  #274  
Old Posted Oct 28, 2011, 6:01 PM
emblazius emblazius is offline
Flamenguista
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília
Posts: 576
Como eu disse no outro tópico. Viva a farra dos sindicatos e da greve!!!Enquanto o nosso judiciário for frouxo vai ficar assim!!!
__________________
Podemos escolher o que semear, mas somos obrigados a colher aquilo que plantamos
Reply With Quote
     
     
  #275  
Old Posted Oct 29, 2011, 12:01 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Obras no Noroeste serão retomadas nesta segunda após autorização da Justiça

A ação pública que assegura a retomada da construção do Setor Noroeste foi homologada na quinta-feira (27/10). Com isso, as obras devem ser retomadas na próxima segunda-feira (31/10). Apesar da decisão e do acordo assinado no último dia 18, que dá aos índios uma nova área de 12 hectares, entre a Água Mineral e o Noroeste, os manifestantes continuam no local.

De acordo com o advogado Nader Franco, das construtoras Emplavi, Brasal e João Fortes, mesmo depois de terem recebido permissão para continuar as obras um grupo de manifestantes tentou impedir o acesso às costruções na manhã desta sexta-feira (28/10).

Os manifestantes garantem que não houve conflito na área, mas que a vigília vai continuar. "Todos os dias chegam caminhões e as pessoas fazem barricada. Com a decisão, que beneficia as construtoras, a resistência foi maior hoje", contou a professora Kamila Xavier, 28 anos. Segundo ela, o grupo defende a preservação das árvores do cerrado no local. Nesse sentido, os manifestantes promovem plantio de sementes nos fins de semana.

Nova área

Com a decisão, assinada no dia 18 de outubro, os índios serão removidos para uma área de 12 hectares, localizada entre a Água Mineral e o Noroeste. A Terracap terá 60 dias para apresentar o cronograma para a criação da nova reserva indígena.








http://correiobraziliense.lugarcerto...-justica.shtml
Reply With Quote
     
     
  #276  
Old Posted Oct 29, 2011, 2:04 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Brasília recebe delegações de megaeventos esportivos


Até o dia 6 de novembro, Brasília receberá delegações responsáveis pelos três maiores eventos esportivos do mundo (Copa do Mundo, Jogos Olímpicos e Universíade), que vêm conhecer a cidade e a infraestrutura disponível para jogos, treinos e outros eventos. Além de receber a abertura da Copa das Confederações, em 2013, e sete jogos da Copa do Mundo de 2014, a capital também é candidata a Centro de Treinos das Olimpíadas de 2016 e a sede dos Jogos Mundiais Universitários, que será realizado em 2017.



Na manhã de sexta-feira (28), a delegação da Federação Internacional de Futebol (Fifa) veio à cidade conhecer os espaços para a realização da Fifa Fan Fest, evento que reunirá torcedores e turistas durantes as partidas da Copa do Mundo de 2014. O Comitê Organizador Brasília 2014 sugeriu à delegação dois ambientes: o primeiro em volta da Esplanada dos Ministérios e o segundo em torno do Eixo Monumental, próximo ao Estádio Nacional. O local definitivo deverá ser anunciado na próxima semana.



Neste sábado (29/10), quem chega à cidade é o Comitê Olímpico da Austrália, que conhecerá as instalações esportivas do Distrito Federal. Além de receber as partidas de futebol das Olimpíadas de 2016, Brasília está inscrita e foi pré-selecionada como local de treinamento antes dos jogos. Na programação dos australianos estão as instalações esportivas da Secretaria de Educação, o autódromo, a Universidade de Brasília, o Lago Paranoá e o complexo do Cave, no Guará.



A semana ainda segue com visitas do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), que virá conhecer as instalações da cidade para uso como Centro de Treinos das Olimpíadas de 2016, e da Federação Internacional do Esporte Universitário (Fisu). Brasília disputa com Taipei, na China, a sede da Universíade, os Jogos Mundiais Universitários de 2017, e a visita da delegação da Fisu faz parte da programação para a definição da cidade-sede.











http://www.jornaldebrasilia.com.br/s...372372&secao=N
Reply With Quote
     
     
  #277  
Old Posted Oct 30, 2011, 2:06 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
Em 10 meses de governo Agnelo, 15 categorias já fizeram paralisações



Polícia Civil foi a categoria que mais vezes interrompeu atendimento.
GDF diz que reajuste salarial neste ano só em casos 'excepcionais'.




Desde o início do ano, pelo menos 15 categorias de servidores ou trabalhadores ligados à prestação de serviço público no Distrito Federal entraram em greve ou fizeram paralisações. No total, em 170 dias do ano, contados até a última sexta-feira (29), cidadãos não tiveram acesso a algum serviço público ligado ao governo do DF (veja quadro abaixo).

Em alguns casos, uma mesma categoria fez mais de uma paralisação nos dez primeiros meses do governo Agnelo Queiroz– caso dos policiais civis, que já haviam suspendido as atividades quatro vezes neste ano e que decretaram na última quinta-feira (27) greve por tempo indeterminado.

De acordo com a assessoria da Secretaria de Administração Pública (Seap), o GDF cumpriu neste ano todos os acordos feitos com servidores em gestões anteriores, o que comprometeu o orçamento deste ano.

Como os gastos do governo já estão perto do teto estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), reajustes salariais ou a contratação de novos servidores só vão ocorrer em 2011 em casos “excepcionais”, informou a Seap.

Nessa categoria está enquadrado o Centro de Atendimento Juvenil Especializado (Caje). No mês passado, os agentes que trabalham no local protestaram contra a falta de pessoal e exigiram a contratação imediata de 350 pessoas já aprovadas em concurso. Em um dos módulos do centro, três agentes são responsáveis pela vigilância de 80 menores infratores, informou o sindicato dos agentes de reintegração do centro.


O secretário de Planejamento e Orçamento do Distrito Federal, Edson Ronaldo Nascimento, afirmou nesta quarta-feira (25) que não há previsão de nomeações e negociação de reajuste salarial para servidores públicos até o final deste ano.

"Temos que esperar os resultados do último quadrimestre de 2011 e respeitar o limite prudencial estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal", disse Nascimento em audiência pública na Câmara Legislativa do DF sobre o projeto de Lei Orçamentária Anual de 2012.

Segundo a Seap, a maior preocupação do GDF no momento é que as categorias que estão paralisadas retomem o trabalho o mais rapidamente possível para evitar mais prejuízos para a população.

Na semana passada, por exemplo, o secretário Wilmar Lacerda chegou a se reunir com a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, para tratar das demandas dos policiais civis. Como o governo federal também está cortando gastos, ele não conseguiu nenhuma ajuda concreta.

Instrumento de negociação
O professor da Universidade de Brasília Victor Russomano, especialista em direito do trabalho, avalia que as greves ainda são a principal ferramenta de negociação dos trabalhadores.

“Os sindicatos podem celebrar periodicamente acordos ou convenções coletivos de trabalho, mas o meio mais eficaz de que eles dispõem é a greve, a paralisação”, afirma o professor.
Russomano lembra que as greves são um direito, mas que têm que cumprir determinadas diretrizes legais. “Para setores essenciais, como saúde, há um mínimo de trabalhadores que devem continuar na ativa.”

Ele diz ainda que, em determinados casos os movimentos grevistas, além de serem considerados ilegais, podem ser mal recebidos pela sociedade. “[Em alguns casos], existe uma certa pressão popular difusa contra as greves, porque elas causa inconvenientes para população. Cabe às categorias explicar o porquê da greve, fazer uma campanha de esclarecimento.”

A Seap informou que o secretário anterior da pasta, Denílson Bento da Costa, prometeu reajustes para algumas categorias, como os policiais civis, em um momento em que as contas do GDF ainda não estavam tão perto do limite definido pela LRF.

Ainda de acordo com a Secretaria de Administração Pública, a maior preocupação do GDF agora é que as categorias que estão paralisadas retomem o trabalho o mais rápido possível para evitar maiores prejuízos para a população.













http://g1.globo.com/distrito-federal...alisacoes.html
Reply With Quote
     
     
  #278  
Old Posted Oct 30, 2011, 2:40 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,874
ONU faz nova sede no Brasil com verba de dívida que governo pagou

A Organização das Nações Unidas (ONU) prevê iniciar na próxima semana, em Brasília, a construção do primeiro prédio de um complexo de edifícios que funcionará como nova sede da entidade no Brasil. A obra do primeiro prédio tem orçamento de R$ 8 milhões, dos quais R$ 5,7 milhões virão de uma dívida quitada pelo governo brasileiro com a entidade. O complexo ficará no Setor de Embaixadas Norte, área nobre da cidade, e vai centralizar os diversos escritórios da organização espalhados por Brasília. O custo total previsto – incluindo projetos e consultorias – será de US$ 5,147 milhões (R$ 8,66 milhões), dos quais US$ 3,39 milhões (R$ 5,7 milhões) com dinheiro do governo brasileiro, segundo informou ao G1 o coordenador residente do Sistema ONU no Brasil, Jorge Chediek. O restante da conta será pago pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud). (G1)

Fonte: http://www.politicalivre.com.br/inde...governo-pagou/
Reply With Quote
     
     
  #279  
Old Posted Oct 30, 2011, 2:45 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,874
Com certeza esse complexo da ONU que é gigantesco FERE O TOMBAMENTO, pois o SEN não prevê prédios de grande porte na região. Não digo, de altura, mas de grande porte mesmo, como algo assim. 10 prédios nanicos de 4 andares tudo um ao lado do outro.
Reply With Quote
     
     
  #280  
Old Posted Oct 31, 2011, 1:48 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,846
68% dos brasilienses modificaram seus apartamentos, segundo estudo



Uma pesquisa realizada pela Universidade de Brasília (UnB) revela que 68% dos brasilienses modificam os apartamentos e mudam características peculiares. A pesquisadora Franciney França analisou plantas de imóveis no Plano Piloto, Guará, Sudoeste, Cruzeiro Novo, Octogonal, Taguatinga e Águas Claras. Segundo ela, as varandas e os quartos de empregada são os mais visados na hora da reforma.

Franciney explica que a ideia de fazer essa pesquisa surgiu depois de várias questões sobre a igualdade e padronização das habitações em Brasília, mais especificamente apartamentos. “Todos acham que em Brasília tudo é igual, ou seja, todos morando com uma mesma proposta. Tinha o desejo de saber se as pessoas moravam igual”, diz.

A pesquisa durou dois anos e foi feita por meio de questionários enviados a endereços escolhidos aleatoriamente. No questionário, os moradores foram indagados sobre as características do domicílio, como utilizavam os espaços e as modificações feitas na casa.

Segundo Franciney, as áreas escolhidas correspondem a uma diversidade de classes e de renda e principalmente por terem surgido em diferentes períodos da história do Distrito Federal.













http://www.jornaldebrasilia.com.br/s...372544&secao=N
Reply With Quote
     
     
This discussion thread continues

Use the page links to the lower-right to go to the next page for additional posts
 
 
Reply

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Regiões Metropolitanas Mundiais
Forum Jump


Thread Tools
Display Modes

Forum Jump


All times are GMT. The time now is 5:12 AM.

     

Powered by vBulletin® Version 3.8.7
Copyright ©2000 - 2023, vBulletin Solutions, Inc.