HomeDiagramsDatabaseMapsForum About
     

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Regiões Metropolitanas Mundiais


Reply

 
Thread Tools Display Modes
     
     
  #2041  
Old Posted Aug 18, 2013, 3:07 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
Ocupação é irregular em 12% dos imóveis funcionais, diz levantamento



Casos como o do deputado Donadon se reproduzem no governo federal Preso, ele perdeu direito à moradia funcional, mas família segue no imóvel.

Foto: Felipe Néri / G1

Edifício na Asa Norte, em Brasília, onde fica o apartamento funcional ocupado por familiares do deputado Natan Donadon

Casos como o dos familiares do deputado Natan Donadon (sem partido-RO), que se negaram a deixar um apartamento funcional da Câmara dos Deputados, também se reproduzem no âmbito do governo federal. Preso após condenação do Supremo Tribunal Federal (STF), Donadon responde a processo de cassação e teve todas as prerrogativas parlamentares suspensas, entre as quais a de usar um dos 336 imóveis funcionais da Câmara atualmente disponíveis para moradia parlamentar.

Segundo levantamento do G1 com base em informações do Portal da Transparência, 60 imóveis funcionais de propriedade da União em Brasília são ocupados por funcionários que perderam o direito de usufruir do apartamento, mas continuam morando no local irregularmente. De acordo com o levantamento, esses casos representam 12% do total de 474 imóveis funcionais da União atualmente ocupados na capital federal.

Os cargos dos 60 funcionários que ocupam esses imóveis são exibidos no Portal da Transparência como “inexistentes”. De acordo com assessoria da Secretaria do Patrimônio da União (SPU), do Ministério do Planejamento, que administra os imóveis do Executivo, esses funcionários perderam a função, tiveram o cargo extinto, se aposentaram ou morreram.

“Os ocupantes que não são mais servidores conseguem permanecer nos imóveis com base em recursos impetrados na Justiça, ou em casos de alienação – quando a retomada só pode ser realizada após decisão judicial em última instância. Estes ocupantes estão sofrendo ações de reintegração de posse em retomada judicial”, informou a assessoria da SPU.

Segundo a SPU, há 94 ações judiciais diversas em andamento contra moradores e ex-moradores de apartamentos funcionais. O órgão não informou quantas ações, desse total, são por desocupação ou por outros motivos, como dano do imóvel.

Metro quadrado de R$ 9,5 mil

De acordo com o levantamento do G1, 95% dos imóveis funcionais da União estão localizados nas asas Sul e Norte de Brasília, áreas nobres da cidade. O valor do metro quadrado na Asa Sul custa R$ 9,5 mil e o da Asa Norte, R$ 9,2 mil, segundo o Índice FipeZap Ampliado de julho. Com isso, o preço de um apartamento de 100 metros quadrados, por exemplo, ultrapassa R$ 900 mil nessas regiões.

Dos 60 imóveis ocupados irregularmente, 55 estão com o mesmo funcionário há mais de 20 anos. Há quatro casos de servidores que vivem em apartamentos do Estado há 40 anos. Eles ocuparam os imóveis em 1973, mas deveriam ter devolvido as chaves porque se aposentaram ou porque perderam a função que garantia a eles o direito de permanecer ali.

A lei determina que têm prioridade no uso dos imóveis funcionais os ministros de Estado, em seguida os cargos de natureza especial (cargos que não exigem concurso público para efetivação) e os cargos de Grupo-Direção e Assessoramento Superiores (chamados DAS) dos níveis 6, 5 e 4, nessa ordem.

Regras para uso

Para ter direito a um apartamento, nem o funcionário nem seu cônjuge ou companheiro amparado por lei podem ter imóveis em Brasília. Também são vetados aqueles que tenham dívidas em decorrência de utilização anterior de qualquer imóvel pertencente à União, conforme determina a lei.

Ainda de acordo com a legislação, quem mora num funcional não paga aluguel, mas é obrigado a pagar condomínio e eventuais taxas extras de manutenção do prédio, além de despesas com gás, água e energia elétrica.

O decreto 980, de 1993, estabelece que o funcionário perde o direito à permissão do imóvel caso seja exonerado ou dispensado do cargo ou da função de confiança que o habilitou ao uso; entre em licença para interesses particulares; seja transferido de estado; aposente-se; faleça; torne-se proprietário de imóvel residencial no Distrito Federal (ou seu cônjuge); deixe o imóvel desocupado por 30 dias; transfira o direito de uso a outras pessoas ou atrase por mais de três meses o pagamento de encargos como condomínio e taxa extra.

Nesses casos, o funcionário deve devolver o imóvel à SPU em até 30 dias. "Extinta a permissão de uso, o imóvel deverá ser restituído, independentemente de notificação judicial ou extrajudicial, no prazo de 30 dias corridos, contados da data em que cessou o direito de uso”, conforme determina o artigo 16 do decreto.

Desde que esteja em situação regular, não há restrição sobre o prazo máximo que o funcionário pode permanecer no imóvel. A Secretaria do Patrimônio da União informou que, antes do decreto, qualquer servidor tinha direito a uma residência oficial, mesmo sem ter cargo comissionado.

Atualmente, há 49 imóveis funcionais da União vagos, de um total de 523. De acordo com a SPU, todos estão em processo de destinação, na fase de entrega de chaves ou sendo visitados por servidores públicos para escolha.
Entre os diversos ministérios, agências, institutos e fundações federais que têm direito aos funcionais, o Ministério do Planejamento – pasta à qual a SPU é subordinada – é o mais contemplado: 12% dos 474 imóveis ocupados estão com funcionários do órgão. Em seguida, estão a Presidência da República (8%), o Ministério da Justiça (6%) e a Agência Nacional de Energia Elétrica (6%).

Liminares arrastam processos

O cientista político David Fleischer, da diretoria da Transparência Brasil, organização autônoma dedicada a assuntos de combate à corrupção, atribuiu às liminares (decisões provisórias) obtidas na Justiça o prolongamento por décadas das ações judiciais para reintegração de posse de imóveis funcionais.
“Essa demora em recuperar os apartamentos se deve à enxurrada de liminares. Nossa legislação permite que liminares ocupem todo o Judiciário e prolonguem por 20, 40, 50 anos um processo como esse de reintegração de posse”, afirmou o cientista.

Fleischer explicou que os imóveis funcionais nasceram em Brasília com o objetivo atrair funcionários na época da transferência da capital federal do Rio de Janeiro, em 1960. “Foi um estímulo. Alguns funcionários que vieram do Rio, ainda nos anos 60, receberam os apartamentos como forma de recompensa pela mudança”, afirmou.

Ele disse que ainda hoje os apartamentos poderiam ser utilizados com esse fim, se houvesse uma rotatividade maior.
“Se você quiser atrair hoje alguém para um cargo em Brasília, faz sentido sim oferecer um apartamento funcional. Vale lembrar que esses imóveis representam uma renda indireta, já que o funcionário deixa de pagar aluguel ou as prestações de um financiamento”, afirmou.









http://g1.globo.com/politica/noticia...antamento.html
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2042  
Old Posted Aug 19, 2013, 9:04 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
Criação de parque ecológico é aguardada



Faculdade informa que espera definição do Ibram



O estacionamento da Faculdade Unieuro, localizado na Asa Sul, está em área pública e deve ser desocupado para a construção de um parque ecológico. A medida vem sendo acompanhada pelo Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT), que cobra da Unieuro o cumprimento do termo de ajustamento de conduta (TAC) assinado em 2007, que previa um plano de recuperação da área degradada (Prad) desde a década de 90 quando surgia a invasão da Vila Telebrasília.

A faculdade deve providenciar o plantio de espécies nativas e implementar um sistema de drenagem das águas pluviais. Os representantes da Unieuro informaram ao MPDFT que já foi instalado o sistema de drenagem e elaborado um projeto para o parque, doado à Administração de Brasília. Segundo representantes da faculdade, umas das dificuldades para atender as exigências do termo de ajustamento de conduta, assinado em 2007, é a falta de acesso à área destinada ao parque, tendo em vista o cercamento por parte da Terracap. Outra preocupação é a inexistência formal da criação do parque.

Segundo informações do Ministério Público, o Ibram já informou que a minuta do decreto de criação do parque está pronta para ser enviada ao governador do DF, Agnelo Queiroz. Fato este que levará a 1ª Prodema a oficiar o presidente do Ibram para cobrar agilidade.

A minuta do decreto de criação do parque será encaminhada para o governador





http://coletivo.maiscomunidade.com/c...UARDADA.pnhtml
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2043  
Old Posted Aug 19, 2013, 10:04 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
Brasília é cotada como sede do mundial Moto GP de 2014



Escolha deverá ocorrer em setembro, na Inglaterra; Autódromo Internacional de Brasília passará por reformas para receber campeonato


BRASÍLIA (19/8/13) - O Autódromo Internacional de Brasília poderá se tornar, no próximo ano, palco das competições do mundial Moto Grand Prix (Moto GP), prova máxima do Grande Prêmio de Motociclismo e, para isso, o espaço será reformado e entregue até o final do primeiro semestre de 2014.

“Brasília avançou bastante nas tratativas e estamos a um passo de ter a nossa capital e o Brasil sediando esse evento. Estamos muito otimistas com essa possibilidade de realizar a prova âncora que colocará Brasília no circuito dos grandes eventos”, destacou hoje o governador Agnelo Queiroz.

Acompanhado de Carmelo Ezpeleta, executivo da Dorna Sports (empresa detentora dos direitos comerciais do campeonato), o chefe do Executivo local detalhou que a escolha será anunciada em setembro, na Inglaterra.

O projeto da pista será feito pela Federação Internacional de Motociclismo e doado ao GDF, que deverá colocá-lo em prática.

A expectativa é que as obras comecem ainda neste semestre para que toda a adequação do local de competição esteja finalizada no primeiro semestre de 2014.

“Preparando o autódromo para a motovelocidade, estamos preparando para qualquer evento do mundo nos termos de segurança. Essa prova exige muito nesse quesito e todas as modalidades poderão aproveitar as melhorias que faremos”, acrescentou o governador.

De acordo com o representante da Dorna Sports, Carmelo Ezpeleta, caso seja escolhida a capital brasileira terá um contrato de cinco anos para receber as competições.

“Estou muito feliz de estar aqui e vemos que Brasília apresenta o melhor projeto, sobretudo do ponto de vista da segurança. Ela cumpre todos os requisitos para a realização da prova”, enfatizou.

A primeira fase das obras contemplará a modificação do traçado da pista e a troca da pavimentação e, em seguida, serão melhoradas as arquibancadas e outras instalações.

O presidente da Federação de Motociclismo do DF, Carlos Augusto Senise, esclareceu que as obras deverão começar pela área próxima aos boxes para que o calendário de atividades seja preservado e, ao final da temporada, o restante da pista receberá as intervenções.

Para o presidente da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM), Firmo Henrique Alves, a escolha do DF para sediar a modalidade deixará um legado e será uma forma de aproximar o público brasileiro do esporte.

“Temos no Brasil 20 milhões de motociclistas e somos o 4º mercado consumidor de moto. Nosso clima é totalmente favorável para sediar este evento porque temos milhões de amantes e essa é uma luta de muito tempo”, revelou.

O público nestas competições soma, normalmente, entre 70 mil e 100 mil expectadores, mas a expectativa do GDF é reunir um público de 150 mil pessoas, considerado um recorde pela entidade responsável pelo Moto Grand Prix.









http://www.df.gov.br/noticias/item/8...reformado.html
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2044  
Old Posted Aug 20, 2013, 1:53 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,829
Isso é claro, se o GDF reformar o autodromo.
Reply With Quote
     
     
  #2045  
Old Posted Aug 20, 2013, 9:35 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
TCDF libera licitação para obras de terminais de Samambaia e Recanto



As licitações tinham irregularidades como preços superestimados e projeto básico incompleto


O Tribunal de Contas do Distrito Federal liberou a licitação para contratação de obras de terminais de ônibus no Recanto das Emas e Samambaia. As obras têm o custo total estimado em, aproximadamente, R$ 14.863 mil.

A Secretaria de Transporte pediu o reexame do processo após a suspensão da licitação por diversas irregularidades. Entre as falhas do edital estavam preços superestimados e o projeto básico incompleto com ausência dos elementos técnicos.

As licitações de Samambaia e Recanto das Emas eram as únicas suspensas. Em 2012, as licitações dos terminais de Ceilândia, Guará I e II, Núcleo Bandeirante, Taguatinga, Paranoá, Planaltina, Cruzeiros Novo, Gama, Ceilândia e Sobradinho II foram liberadas após os ajustes no edital.

As licitações são para a reforma e a construção de terminais de ônibus localizados nestas áreas.




http://www.correiobraziliense.com.br...-recanto.shtml
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2046  
Old Posted Aug 23, 2013, 5:19 PM
Jota's Avatar
Jota Jota is offline
Registered User
 
Join Date: Sep 2011
Posts: 3,488
Moradores da 108 Norte tentam impedir desmatamento da quadra

Poda feita pela Novacap na manhã desta sexta-feira foi marcada por confusão

Publicação: 23/08/2013 11:50 Atualização: 23/08/2013 11:57

Moradores da quadra 108 da Asa Norte tentaram impedir cortes de árvores no local. A poda foi solicitada pelo prefeito da quadra e feita pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap). Os residentes afirmam que ao invés de tirarem só os galhos que causam problemas a fiação, a Novacap corta a árvores no tronco, "por ser mais fácil" segundo os moradores.

Leia mais notícias em Cidades

"Eles vêm aqui às 8h da manhã, quando todo mundo saiu pra trabalhar e detonam as árvores na raiz" afirma Paulo Lenzi morador da 108 há 30 anos. Hoje uma árvore com mais de 40 anos de vida teve o tronco cortado. Após a chegada da imprensa os funcionários da Novacap passaram a fazer apenas a poda dos galhos. De acordo com os moradores, o prefeito da quadra já respondeu processo por crime ambiental.

http://www.correiobraziliense.com.br...a-quadra.shtml




E eu que não sabia que as quadras de Brasília eram florestas para serem "desmatadas", é cada coisa idiota.

E os ecologistas de jardim agindo novamente.
Reply With Quote
     
     
  #2047  
Old Posted Aug 26, 2013, 12:11 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,963
Podar sim, erradicar a coitadinha só se for muito necessário.
Reply With Quote
     
     
  #2048  
Old Posted Aug 26, 2013, 8:11 PM
yuri radd yuri radd is offline
Registered User
 
Join Date: Apr 2013
Posts: 885
Pow, podiam estar fazendo isso era na minha quadra. Não aguento mais tanta árvore.
Reply With Quote
     
     
  #2049  
Old Posted Aug 27, 2013, 10:28 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
Gymi é o nome do mascote da Gymnasiade



Com o total de 3.620 votos, Gymi foi o nome escolhido para o mascote da Gymnasiade. O resultado foi anunciado nesta terça-feira na Torre Digital de Brasília, símbolo do evento que acontecerá durante os dias 27 de novembro a 04 de dezembro deste ano.

“Com a proximidade do evento os estudantes estão cada vez mais envolvidos nas etapas de preparação para os jogos e essa participação é de grande importância para o incentivo ao desporto e para o sucesso do evento”, disse o secretário de Esporte, Julio Ribeiro.

Durante um período de quinze dias, quase 10 mil pessoas votaram entre os nomes Gymi, Oscar e Qualé para batizar o animal que vai representar o espírito esportivo brasileiro para o mundo. Oscar ficou em segundo lugar com 3.337 votos e Qualé, em terceiro com 2.997 votos.

Seletiva Nacional – Durante o evento foram apresentados os atletas candidatos que irão participar da seletiva nacional para concorrer uma vaga na classificação para disputar a Gymnasiade.

“A Gymnasiade é mais um dos grandes eventos que a cidade irá receber. Esses atletas passaram por um período amplo de competição para chegar até aqui”, disse o presidente da Federação Regioanl do Desporto Esclar do DF, Marcelo Otolline.

A cerimônia contou com a presença do Secretário de Turismo, Luis Otávio Neves; do Secretário Geral da Confederação Brasileira de Desporto Escolar, Robson Aguiar; da secretário adjunta de Educação, Maria Luiza Vale; do presidente da Federação Regional do Desporto Escolar do DF, Marcelo Otolline e da representante do Ministério do Esporte, Bruna Penha.







http://www.jornaldebrasilia.com.br/s...iade&id=492497
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2050  
Old Posted Aug 27, 2013, 10:30 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
Polícia pede para comerciantes investirem em vigilância privada para inibir ação dos bandidos



Duas clínicas foram arrombadas durante a madrugada. Prejuízo passa dos R$ 10 mil


A PMDF (Polícia Militar do DF) pediu para que comerciantes que trabalham no centro de Ceilândia, região administrativa do DF, invistam em vigilância privada para evitar a ação dos bandidos.

Na madrugada desta terça-feira (27) duas clínicas que funcionam em um prédio no local foram arrombadas. Para entrar nas salas, os bandidos escalaram a lateral do edifício, que tem cercas elétricas e câmeras de segurança.

Os criminosos fugiram levando televisão, computador e vários equipamentos de trabalho das duas clínicas. Depois de escalar, eles também conseguiram quebrar a vidraça e forçar uma barra de ferro para ter acesso às salas.

Foto: Reprodução / TV Record Brasília

Bandidos escalaram a lateral do prédio para invadir as salas. Eles fugiram levando R$ 10 mil em equipamentos

O empresário Adriano Alves de Souza, dono das clínicas, disse que tenta investir em segurança interna, mas sem apoio da segurança pública não consegue inibir os criminosos.

— Infelizmente minha clínica foi arrombada. Mesmo com segurança no prédio, eles sempre dão um jeito de arrombar e invadir, porque sabem que não tem policiamento aqui. Fica complicado trabalhar assim.

Os comerciantes acreditam que parte dos arrombamentos que aconteceram durante a madrugada foi provocada por moradores de rua que passam o dia nas redondezas.

A polícia disse que existe uma obra em andamento no local e que os criminosos se aproveitam disso para cometer os furtos. No entanto, a reportagem da TV Record Brasília não encontrou nenhuma construção perto da área, apenas um terreno vazio.

A Polícia Militar pediu que os comerciantes invistam mais em vigilância privada para dificultar ou impedir o acesso dessas pessoas às clínicas, mas garantiu que vai mandar reforço ao local.












http://noticias.r7.com/distrito-fede...didos-27082013
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2051  
Old Posted Aug 28, 2013, 10:29 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
Reestruturação para 61 mil servidores vai custar R$ 2,3 bilhões ao GDF



Executivo encaminha projetos de lei à Câmara Legislativa que reorganizam 23 carreiras e preveem reajustes para o funcionalismo local. A expectativa é de que os deputados distritais aprovem as propostas até o fim deste ano


Foto: Ronaldo de Oliveira

Médicos no Hospital de Base do Distrito Federal: entre as categorias beneficiadas, estão profissionais de saúde

Mais de 61 mil servidores terão as carreiras reestruturadas a partir deste ano. O Governo do Distrito Federal (GDF) encaminhou, ontem, à Câmara Legislativa 22 projetos de lei que tratam da reorganização salarial e estrutural de 23 categorias de vários setores da administração pública, como médicos, procuradores e defensores públicos. Os aumentos serão escalonados em três vezes e o impacto financeiro calculado pelo Executivo é de R$ 184 milhões este ano; R$ 699 milhões, em R$ 2014; e R$ 1,2 bilhão, em 2015. O governador Agnelo Queiroz (PT), que assinou os documentos nesta terça-feira (27/8), disse que as modificações respeitam os limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Os projetos fazem parte as negociações feitas entre governo e as categorias ao longos dos últimos meses. De acordo com a Secretaria de Administração Pública (Seap), agora, só ficam faltando três grupos para fechar acordo: gestão fazendária, atividades rodoviárias (do Departamento de Trânsito) e funcionários da Secretaria de Agricultura. “Esperamos concluir, nos próximos dias, para tentar enviar rapidamente à Câmara Legislativa. Com isso, fecharemos com todas as categorias do serviço público do DF, que conta com mais de 200 mil servidores”, disse Wilmar Lacerda, titular da Seap. O GDF já havia fechado negociação com mais de 140 mil trabalhadores de áreas como saúde, segurança pública e educação.

O governador ressaltou que todas as mudanças foram discutidas com os funcionários públicos e aprovadas em assembleias. “É diferente de pegar simplesmente um projeto de autoria do Executivo e encaminhar para a Câmara. Esses projetos de lei são resultado de conversas intensas com as categorias”, explicou Agnelo Queiroz. Ele acrescentou que, mais do que apenas conceder reajustes, os projetos reorganizam o serviço público da capital federal, já que muitos casos preveem a progressão funcional dentro das atividades. “Passamos algum período sem poder dar reajustes, até pela situação que herdamos no GDF. Mas, agora, estamos valorizando os servidores efetivos. Também trabalhamos no sentido de reduzir os comissionados e os terceirizados”, reforçou Agnelo.

Projetos tratam de aumentos e mudanças estruturais de várias categorias. Confira a lista de todas:
» Médicos
» Procurador do DF
» Assistência judiciária
» Defensor público
» Servidores da PGDF
» Assistência social
» Apoio às atividades policiais
» Assistência pública à saúde
» Atividades complementares de segurança pública
» Atividades culturais
» Atividades do Hemocentro
» Atividades do Meio Ambiente
» Atividades em transportes urbanos
» Atividades penitenciárias
» Auditoria de atividades urbanas
» Auditoria de controle interno
» Auditoria tributária
» Cirurgião-dentista
» Fiscalização de atividades
de limpeza urbana
» Gestão sustentável de
resíduos sólidos
» Músico da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Cláudio Santoro
» Planejamento e gestão urbana
» Políticas públicas e gestão governamental









http://www.correiobraziliense.com.br...s-ao-gdf.shtml
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2052  
Old Posted Aug 28, 2013, 3:03 PM
salengasss salengasss is offline
Registered User
 
Join Date: May 2011
Posts: 1,528
Professor ficou de fora? Esse é um país que, realmente, não investe em educação e nos profissionais
Reply With Quote
     
     
  #2053  
Old Posted Aug 28, 2013, 8:46 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,829
Quote:
Originally Posted by salengasss View Post
Professor ficou de fora? Esse é um país que, realmente, não investe em educação e nos profissionais
De forma alguma Sale, os Professores serão beneficiados com uma lei especifica.
Reply With Quote
     
     
  #2054  
Old Posted Aug 29, 2013, 6:42 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
Brasília é o 5º destino mais procurado para negócios e convenções internacionais


Capital Federal subiu no ranking de destinos nacionais mais procurados


A Capital Federal subiu uma posição na lista dos destinos nacionais mais procurados para eventos, negócios e convenções pelo público internacional e passou a ocupar o 5º lugar no país, segundo dados divulgados pelo Ministério do Turismo.

"Acredito na tendência de Brasília para esse tipo de turismo e temos feito um trabalho intenso para captar cada vez mais eventos para a cidade. Já temos uma agenda extensa que prevê grandes encontros até 2018", comentou hoje o secretário de Turismo do Distrito Federal, Luis Otávio Neves.

Foto: Divulgação


O estudo apontou que 54.511 mil pessoas de outros países chegam a Brasília motivadas por negócios, eventos ou convenções – o que significa 48,8% do total de visitantes internacionais–; enquanto o lazer atrai 13,7% dos visitantes de outros países e 37,5% procuram Brasília por outros motivos.

O cálculo é baseado em entrevistas realizadas, em 2012, com cerca de 30 mil pessoas, em 15 aeroportos e 10 postos de fronteira terrestre. O estudo mostra que as principais origens dos visitantes internacionais de Brasília são Estados Unidos, Argentina, França e Portugal.

"O resultado vai ao encontro dos estudos que realizamos trimestralmente para o Boletim de Monitoramento e reafirma que estamos trabalho junto ao público correto as ações promocionais da cidade", lembrou a subsecretária de Políticas de Turismo da Setur-DF, Ariádne Bittencourt.

A pesquisa aponta que o turista de negócios e eventos gasta, em média, US$ 126,4 por dia no país, onde permanece por cerca de oito dias, dos quais seis são aproveitados na cidade que receberá o encontro. Em 2012, foram gastos US$ 41 milhões somente em Brasília.

O perfil do visitante internacional que participa de eventos na capital brasileira é majoritariamente formado por homens, entre 41 e 50 anos, com nível superior completo, que se hospedam em hotéis, pousadas e flats, e viajam sozinhos.

Este público avaliou a experiência em Brasília como altamente satisfatória e elegeu a gastronomia como ponto de destaque entre os serviços turísticos, os restaurantes como melhor parte da infraestrutura turística e os serviços de táxis como fator positivo da infraestrutura da cidade.

ICCA – Em termo globais, Brasília ocupa a terceira posição em relação aos demais destinos nacionais que mais realizam eventos internacionais, segundo dados da International Congress and Convention Association (ICCA).

A entidade, que é referência mundial neste tipo de pesquisa e usa critérios próprios para fins de comparação, calculou que a capital brasileira recebeu 22 encontros mundiais em 2012, um crescimento de 69% em relação ao ano anterior, a se colocou à frente de outras grandes capitais.

Em termos internacionais, a cidade está em 26ª no continente, empatada com Miami e Atlanta (EUA) e à frente de importantes destinos turísticos internacionais, como Los Angeles e Las Vegas (EUA), Córdoba (Argentina) e Punta Del Este (Uruguai).








http://www.alo.com.br/noticias/ultim...Noticia=225235
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2055  
Old Posted Aug 30, 2013, 12:17 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
MP tenta impedir construção de prédios residenciais em área de proteção ambiental


http://globotv.globo.com/rede-globo/...ental/2790589/
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2056  
Old Posted Aug 30, 2013, 1:06 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
DF terá Hospital de Transplantes com capacidade para 150 leitos



Unidade de saúde realizará transplantes de coração, córneas, rim, fígado, medula óssea, entre outros


Está em andamento o projeto do Hospital de Transplantes de Brasília. Ele terá 150 leitos e será o terceiro do tipo no país a atender exclusivamente pacientes que precisam de transplantes de órgãos.

A unidade de saúde realizará transplantes de coração, córneas, rim, fígado, medula óssea, entre outros. A verba para a compra de equipamentos, cerca de R$ 60 milhões, vem do governo federal e será enviada ao GDF assim que o prédio estiver pronto.

A estrutura física será erguida com recursos do Instituto de Cardiologia do Distrito Federal, que ainda avalia o investimento final da obra. O prédio deverá ficar pronto 24 meses após o início das obras, mas ainda não há data certa para esse começo.

Segundo o projeto, o Hospital de Transplantes de Brasília será sustentável e terá a utilização de energia solar e sistemas informatizados no atendimento aos pacientes, procedimento que reduzirá a quantidade de papel utilizada.

De acordo com o secretário de Saúde, Rafael Barbosa, o local de construção da nova unidade ainda está em estudo pelo governo local, mas os tipos de operação estão definidos.

Levantamento da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO) apontou o DF como a unidade da Federação que mais realiza a captação de órgãos. Aqui, são 32,7 doadores por milhão de habitantes.

Segundo registros da pasta, somente no primeiro semestre deste ano foram feitos 289 transplantes no DF, dos quais 184 foram de córnea, 64 de rim, 24 de fígado, 17 de coração e quatro de medula óssea.












http://www.correiobraziliense.com.br...0-leitos.shtml
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2057  
Old Posted Aug 30, 2013, 1:56 AM
Jota's Avatar
Jota Jota is offline
Registered User
 
Join Date: Sep 2011
Posts: 3,488
Quote:
Originally Posted by MAMUTE View Post
MP tenta impedir construção de prédios residenciais em área de proteção ambiental


http://globotv.globo.com/rede-globo/...ental/2790589/
Novamente a Terracap do GOVERNO vende um imóvel com função que não pode ser usada.

O MP deveria é entrar com ação contra o GDF, que vende imóveis, em locais improprios, com sensibilidade ambiental, ou sem regularização......
Reply With Quote
     
     
  #2058  
Old Posted Aug 30, 2013, 2:51 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,829
Quote:
Originally Posted by Jota Ferro View Post
Novamente a Terracap do GOVERNO vende um imóvel com função que não pode ser usada.

O MP deveria é entrar com ação contra o GDF, que vende imóveis, em locais improprios, com sensibilidade ambiental, ou sem regularização......
É só no Brasil que inventam isso. Em países de primeiro mundo, pode-se construir em áreas de nascente usando alta tecnologia, mais no Brasil não. Aonde estava o MP quando da implantação de Águas Claras.

E outra, venderam o clube, e creio que não foi o GDF. Igual o clube primavera. Agora tudo é ambiental.
Reply With Quote
     
     
  #2059  
Old Posted Aug 30, 2013, 5:15 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,841
Rumo às três milhões de pessoas



Brasília alcançará os três milhões de habitantes até o ano de 2017, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A população do Distrito Federal é, hoje, de aproximadamente 2,8 milhões de moradores e é a quarta mais populosa do Brasil, atrás de São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador. Os dados, porém, não incluem as 12 cidades da Região Metropolitana do DF, que juntas, ultrapassam 1,1 milhão de residentes.

A projeção do IBGE diz, ainda, que em 2030 a população do DF pode chegar aos 3,7 milhões. Aldo Paviani, pesquisador da Universidade de Brasília (UnB), afirma que o aumento não é tão significativo, mas que a longo prazo, pode trazer muitas complicações. “Nosso problema é que 48% das vagas de emprego do DF estão centralizadas no Plano Piloto, enquanto só 8,17% da população vive lá”, observa.

Foto: Kleber Lima


Transporte

O pesquisador afirma que se esse padrão for mantido, o maior problema será o trânsito. “As pessoas precisam morar mais perto do trabalho, se locomover de bicicleta, por exemplo”, destaca.

Carlos Penna, especialista em políticas públicas e em transporte, porém, acredita que existe esperança. “É possível transportar essas pessoas com qualidade, elas podem morar longe do trabalho. O problema do DF é que aqui não há um planejamento inteligente. Do jeito que está sendo feito, chegaremos a um caos total. Nós vamos ser um dos locais com a pior mobilidade urbana do mundo. Além do trânsito, não teremos mais área verde, o DF será separado em ruas, prédios e estradas”, diz.

A solução para os problemas, de acordo com Penna, é a expansão imediata do metrô. Já para Paviani, a solução seria gerar empregos nessa periferia metropolitana para aliviar a tensão.

Caos

Além do transporte, outras áreas carentes de investimentos governamentais também precisam ser pensadas. Moradores do DF e Região Metropolitana, que já convive diariamente com as dificuldades, se dizem receosos com o aumento da população.

“Brasília sempre teve o viés de cidade planejada, mas planejada para quem? O crescimento habitacional não acompanhou esse planejamento esperado para a capital federal. Problemas como mobilidade urbana, oportunidades de emprego e aquecimento da economia só tendem a piorar”, diz o estudante Paulo Gammaro, 26 anos.

O pedreiro Antônio Florentino Neto, 58 anos, observa que “se já temos problemas com o transporte e saúde, futuramente teremos um caos”.

País terá mais idosos que crianças

Em quatro décadas, a população brasileira dobrou e o País já passa os 200 milhões de habitantes. Ao contrário do rápido crescimento do passado, no entanto, a tendência agora é que a população aumente num ritmo cada vez menor até que, em 2043, começará a diminuir. De acordo com estudo do IBGE, em 1º de julho o País tinha 201.032.714 habitantes. O recorde populacional, em 2042, será de 228,350 milhões e em 2060 a população terá caído para 218,173 milhões. Em 18 anos, o País encolherá 10,1 milhões de habitantes - quase o Paraná.

A marca dos 200 milhões de brasileiros foi alcançada em 2 de dezembro. De lá para cá, mais um milhão de habitantes já foram incorporados à população. Em 2012, a população brasileira era de 199,242 milhões de habitantes.

O País do futuro terá mais idosos que crianças, mais mortes que nascimentos, mulheres que decidem ser mães mais velhas e menos desigualdades regionais. "Não se pode transformar o processo de envelhecimento do País em má notícia; é ótima notícia. A queda na taxa de fecundidade e a elevação da expectativa de vida estão associados a índices de desenvolvimento mais elevados. As políticas públicas vão ter de se adequar e não só na questão previdenciária, mas de cuidados com os idosos”, diz a presidente do IBGE, Wasmália Bivar.








http://www.jornaldebrasilia.com.br/s...soas&id=493374
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2060  
Old Posted Aug 31, 2013, 5:27 PM
Jota's Avatar
Jota Jota is offline
Registered User
 
Join Date: Sep 2011
Posts: 3,488
Wagner Canhedo, ex-proprietário da Vasp, é preso em Brasília

O empresário Wagner Canhedo, 77, ex-proprietário da Vasp, foi preso na manhã deste sábado (31) em Brasília. A prisão foi determinada pela Justiça de Santa Catarina e o motivo da prisão foi sonegação de impostos. Ele terá de cumprir a pena de quatro anos e cinco meses de prisão em regime semi-aberto. Por não ter curso universitário, ele terá de dividir cela com outros presos, mas, pela idade avançada, a cela não terá muitos encarcerados, disse o delegado do caso à rádio CBN.



Canhedo foi detido por volta das 6h30 deste sábado e levado a Delegacia de Capturas e Polícia Interestadual (DCPI), na capital federal. O empresário disse ter ficado surpreso com a prisão.

O empresário assumiu em 1990 o controle acionário da Vasp (Viação Aérea São Paulo), adquirido do governo paulista por um lance mínimo (US$ 44 milhões), em leilão na Bovespa.

Nascido na cidade de Potirendaba (a 443 km a noroeste da capital paulista), na região de São José do Rio Preto (interior de SP), em 20 de janeiro de 1936, Canhedo começou sua vida de empresário na área de transporte rodoviário de cargas. Ele não chegou a completar o ensino superior.

Com uma pequena frota de caminhões, ele transportava a madeira utilizada pelas construtoras para a construção da cidade de Brasília. Nos anos 60, virou piloto e comprou sua primeira aeronave, um Cessna 210.

Fundou também a Viação Planalto, com mil ônibus, uma concessionária Scania e a transportadora Wadel. Depois, abriu a Condor e Lotáxi e a Brasília Táxi Aéreo, para atuar no setor de coletivos urbanos.

http://economia.uol.com.br/noticias/...m-brasilia.htm
Reply With Quote
     
     
This discussion thread continues

Use the page links to the lower-right to go to the next page for additional posts
 
 
Reply

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Regiões Metropolitanas Mundiais
Forum Jump


Thread Tools
Display Modes

Forum Jump


All times are GMT. The time now is 11:37 AM.

     

Powered by vBulletin® Version 3.8.7
Copyright ©2000 - 2023, vBulletin Solutions, Inc.