HomeDiagramsDatabaseMapsForum About
     

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Regiões Metropolitanas Mundiais


Reply

 
Thread Tools Display Modes
     
     
  #2041  
Old Posted Jan 3, 2015, 9:22 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
O Diretor do Detran-DF acabou de cair....

Piada, o povo do PSB não fez questão de falar que o povo era FICHA LIMPA... E o Antonio Fucio veio com papo que está processando o Detran por causa das multas. Piada atrás de Piada. E Rollemberg não sabia....
Reply With Quote
     
     
  #2042  
Old Posted Jan 4, 2015, 6:12 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
E como eu previa...

Rollemberg promete.... E imitando Marina.... muda de ideia...

Sabe muito bem que depende do aval da presidente para TUDO. Portanto obras gigantes que a cidade precisa. Tem que ter aval do PT. KKKK meio incoerente, ele prometer pagar funcionários.

Mas esqueceu de avisar a DILMA. E como gosto do jeito da DILMA governar, vai dar um belo fora no Rollemberg. Ainda mais com papo de Pacto por Brasília... Com corte de custos, sabe quando Rollemberg vai cumprir a promessa de pagamentos.... Só quando o Fundo Constitucional sair. E advinha quando sai... Só em Março. É muito remota a possibilidade do governo federal antecipar. Se for para antecipar para Rollemberg que é oposição ao governo, vai ter que liberar para todos. E pelo que já sabemos. Ela vai liberar grana só para aonde realmente precisa. E Brasília, que tem um orçamento maior do que todo o Rio de Janeiro, não é uma cidade que precisa de dinheiro.

Não é a Ilha da Fantasia. Agora aguente Rollemberg. E não tem esse papo que a Dilma falou que vai ajudar o DF.
Reply With Quote
     
     
  #2043  
Old Posted Jan 4, 2015, 6:27 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
O 171 eleitoral praticado pelo RollemICEberg já começa a repercutir nas redes sociais.

Last edited by pesquisadorbrazil; Jan 4, 2015 at 6:47 PM.
Reply With Quote
     
     
  #2044  
Old Posted Jan 5, 2015, 1:29 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
Nomeação vigiada

Corre a boca pequena que servidores do Detran DF jogaram os processos do novo diretor na mídia, assim como fizeram com Délio Cardoso no governo Arruda, e com isso o indicado nem sentou na cadeira. Agora, servidores mandaram um recado ao governador de que se o novo diretor geral não for alguém de carreira eles farão uma megagreve.

Reply With Quote
     
     
  #2045  
Old Posted Jan 5, 2015, 1:31 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
Pode sentar Rollemberg, que o abacaxi que vai descascar vai demorar 4 anos. Pior, já vimos o PODER que o Detran tem. O que irá fazer, pedir intervenção do MPDF e TCDF no Detran.... Piada.
Reply With Quote
     
     
  #2046  
Old Posted Jan 5, 2015, 1:34 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
E por falar em abacaxi, o MPL já programa seu primeiro ato contra ROLLEMBERG.... Prepare, eu quero ver o circo pegar fogo. Contra o aumento das passagens. Se as passagens aumentarem, será de apenas 50 centavos.
Reply With Quote
     
     
  #2047  
Old Posted Jan 5, 2015, 9:54 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,845
Mesmo com saldo de R$ 1 bilhão, equipe de Rollemberg cita caixa "zerado"




Primeiro escalão passa o domingo discutindo a situação financeira e novas medidas, como a possibilidade de aumento de tarifas de ônibus e suspensão da Corrida de Reis, mas, até ontem, levantamento no sistema de Gestão Orçamentária apontava saldo de quase R$ 1 bilhão


Em seminário realizado ontem na Residência Oficial de Águas Claras, a equipe econômica de Rodrigo Rollemberg (PSB) afirmou que o caixa do GDF está “praticamente zerado”. Segundo os socialistas, a situação financeira das contas públicas é “grave” e, para pagar os salários atrasados e aqueles a vencer em 8 de janeiro, há um esforço geral do governo no sentido de viabilizar a antecipação de R$ 412 milhões do Fundo Constitucional. Apesar das dificuldades expostas pela nova composição do Palácio do Buriti, informação do Sistema Integrado de Gestão Governamental (Siggo) mostra o caixa do Distrito Federal com um saldo positivo de R$ 995.347.576,32.


O Siggo é um instrumento governamental de controle das contas públicas. A ele, fora pessoas do alto escalão do Executivo, todos os deputados distritais têm acesso. O levantamento que identificou a disponibilidade foi feito pelo gabinete do distrital Chico Leite (PT). Nele, a Conta Única do Tesouro aparece com um saldo positivo de R$ 687 milhões e a Aplicação Financeira de Liquidez Imediata com R$ 307 milhões positivos. “Em nome da transparência, a população do DF precisa conhecer esse valor exato e o governo deve estabelecer prioridades sobre como gastá-lo”, ressaltou o deputado.




Os socialistas têm feito de tudo em busca da antecipação dos R$ 412 milhões. Na última semana, o chefe do Executivo local fez um pedido expresso de ajuda ao ministro da Fazenda, Joaquim Levy. Cortar mais gastos, como a suspensão da tradicional Corrida de Reis, e aumentar a arrecadação do Estado com aumento na tarifa do transporte público são medidas estudadas pelo Palácio do Buriti para recuperar as finanças do DF. O chefe da Casa Civil, Hélio Doyle, contesta os números levantados pela assessoria de Chico Leite. “Na nossa conta, o caixa está zerado. Os números certos serão divulgados nesta semana, possivelmente na terça-feira”, afirmou.

O secretário de Fazenda, Leonardo Colombini, reafirmou, em entrevista ao Correio, que não há praticamente dinheiro disponível para quitar dívidas. “Esse valor de R$ 995 milhões ainda é referente ao balanço de 2014, que só deve ser fechado entre 8 e 10 de janeiro. Há operações ainda não computadas, por exemplo, o pagamento de servidores no último dia do ano, quando os bancos estavam fechados”, disse. Mas o ex-governador Agnelo Queiroz (PT) assegura que o montante é esse mesmo. “Temos um saldo positivo de R$ 995 milhões e o governo está para receber, sem necessidade de apresentar contrapartida, um empréstimo de R$ 500 milhões do Banco do Brasil e outro de R$ 135 milhões do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Social)”, disse o petista. “Só ficou faltando pagar R$ 113 milhões em 13º salário de quem faz aniversário em dezembro, o que estava previsto para ocorrer no dia 5 de janeiro (hoje)”, acrescentou.









http://www.correiobraziliense.com.br...xa-zerad.shtml
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2048  
Old Posted Jan 5, 2015, 11:34 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,845
GDF nomeia sete gestores para assumir 31 administrações regionais



Nomeações são temporárias e foram publicadas no Diário Oficial do DF Vice-governador comandará interinamente administração de quatro regiões.


O governador Rodrigo Rollemberg nomeou interinamente nesta segunda-feira (5) sete pessoas que vão ficar responsáveis pelas 31 Administrações Regionais do Distrito Federal. A nomeação foi publicada no Diário Oficial do DF.

Ao Bom Dia DF, o secretário da Casa Civil, Hélio Doyle, afirmou que as nomeações são temporárias e foram feitas para evitar a falta de gestores para responder pelas administrações. "Não temos ainda administradores regionais definitivos, mas para evitar a falta de responsabilidade nomeamos sete pessoas que serão responsáveis pelas 31 administrações", disse.

Segundo o decreto, o vice governador do Distrito Federal, Renato Santana da Silva assumirá, interinamente, o cargo de administrador Regional de Taguatinga, Ceilândia, Samambaia e Brazlândia.

Igor Danin Tokarski assume o cargo de administrador do Plano Piloto, e foi nomeado interinamente para exercer também o cargo de administador do Cruzeiro, Candangolândia e Sudoeste/Octogonal.

Wandermilson de Jesus Garcêz Azevedo assume a Administração do Lago Sul. Ele também foi nomeado para responder interinamente pelas administrações do Lago Norte, Varjão e Park Way.

Já José Edberto da Silva será o novo Administrador do Setor de Indústria e Abastecimento. Ele assume interinamente as administrações do Setor Complementar de Indústria e Abastecimento, Núcleo Bandeirante, Riacho Fundo, Guará, Águas Claras e Vicente Pires.

Estevão Souza dos Reis assume o cargo de administrador de Sobradinho. Ele será responsável interinamente também pelas administrações de Sobradinho II, Fercal e Planaltina.

Eduardo Rodrigues da Silva será o novo administrador do Paranoá. Ele também comandará interinamente as administrações de São Sebastião, Jardim Botânico e Itapoã.

Por último, Nery Moreira da Silva assume a Administração do Recanto das Emas. Ele também será responsável interinamente as administrações de Riacho Fundo II, Gama e Santa Maria.










http://g1.globo.com/distrito-federal...regionais.html
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2049  
Old Posted Jan 5, 2015, 11:57 AM
Agarwaen Agarwaen is offline
Registered User
 
Join Date: May 2014
Posts: 498
Entenda os sete mandamentos de Rollemberg para tirar o DF da crise

I - NÚCLEO CENTRAL
Cria um órgão responsável por toda a programação e a execução orçamentária e financeira do DF, o Governança-DF. Centralizará a gestão do governo e será composto por Rollemberg; pelo secretário de Fazenda; pelo de Administração e Desburocratização; pela de Planejamento, Orçamento e Gestão; pelo chefe da Casa Civil; e pelo procurador-geral do DF. Terá autoridade para estabelecer prioridades nas mais diversas áreas do governo e mexer no orçamento de todas as pastas.

II - RENEGOCIAÇÃO
Organiza os trabalhos internos a respeito do reconhecimento de dívidas da gestão anterior. Cada pasta terá até 23 de fevereiro para enviar à Governança-DF um relatório com as estimativas de despesas que ainda não foram pagas. Os secretários também terão de renegociar os contratos e tentar reduzir o custo deles em 20%. Obviamente, a companhia prestadora do serviço não precisará diminuir o valor do contrato, mas, caso se recuse, terá dificuldades para conseguir novos contratos com o GDF.

III - CRONOGRAMA
Cria um cronograma para os chefes das pastas elaborarem um relatório sobre a situação de financiamentos contraídos pelo GDF para a realização de obras públicas. O objetivo é sistematizar as informações para que haja uma maior rapidez nos procedimentos internos. Os trabalhos também visam à criação de projetos a fim de captar mais recursos com outros órgãos.

IV - RECURSO LIMITADO
As despesas de investimentos ficam contingenciadas em 100%, e as verbas de custeio da máquina, em 20%. Enquanto a Programação Orçamentária e o Cronograma de Desembolso de 2015 não for publicada, no fim de janeiro, também fica limitado o uso de recursos das secretarias em pouco mais de 16% do total. As regras não valem, no entanto, para pagamento de pessoal, decisões judiciais e recursos referentes ao Programa de Formação de Patrimônio do Servidor e dos Serviços da Dívida Fundada e Inversões Financeiras.

V - SEM CONCESSÃO
Suspende por 90 dias as concessões de benefícios fiscais e a distribuição de terrenos em andamento oferecidos pelos programas Pró-DF 1, Pró-DF 2 e Financiamento para o Desenvolvimento Econômico Sustentável (Ideas). A abertura de novos procedimentos da mesma natureza está suspensa por 120 dias. O Pró-DF serve para estimular o setor produtivo, com isenção de impostos e doação de áreas públicas para novos empreendimentos privados.

VI - CONTRATO REVISTO
A homologação de resultados de licitações está suspensa por 30 dias, à exceção de contratos previstos para expirar nesse período e relativos a áreas essenciais, como saúde e educação. Os secretários deverão abrir processo licitatório em 45 dias para substituir contratos que tenham sido celebrados de forma emergencial ou com dispensa de licitação. Se alguma suspensão de serviço estiver relacionada a irregularidades, o caso será passado à Controladoria-Geral do DF.

VII - ECONOMIA GERAL
O maior decreto, que ocupa duas das oito páginas do Diário Oficial do DF de ontem, prevê o controle de várias despesas: as pastas terão de economizar 30% das impressões em papel; o uso de carros oficiais será mais restrito; os veículos do Estado terão um limite de uso de combustível; as passagens e as diárias estão suspensas por 120 dias, entre outras ações. Afirma ainda que será feito um recadastramento de todos os funcionários públicos e uma auditoria nas folhas de pagamento.


http://www.correiobraziliense.com.br...da-crise.shtml
Reply With Quote
     
     
  #2050  
Old Posted Jan 5, 2015, 1:19 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,845
Patrimônio declarado de deputados distritais eleitos soma R$ 24,9 milhões



Três mais ricos vão para segundo mandato e respondem por 46,9% do total 'Mais rico' tem R$ 5,82 milhões em bens; 'mais pobre' não declarou nada.

Foto: Mateus Rodrigues/G1

Plenário da Câmara Legislativa do Distrito Federal, durante sessão em dezembro de 2014


Os 24 deputados empossados nesta quinta-feira (1º) para a Câmara Legislativa do Distrito Federal declararam à Justiça Eleitoral um patrimônio total de R$ 24.091.432,27. O número representa uma média pouco acima de R$ 1 milhão em bens para cada distrital.

A maior parte das listas faz referência a imóveis, participações em empresas, contas bancárias e títulos de investimento. Alguns itens "inusitados" chamam a atenção, como os R$ 150 mil em espécie declarados por Sandra Faraj (SD) e os R$ 237 mil, também em dinheiro vivo, de Robério Negreiros (PMDB). O distrital também lista R$ 395 mil em empréstimos concedidos a pessoas físicas e jurídicas.

Na lista do deputado mais bem votado, Julio Cesar (PRB), constam R$ 45 mil relativos ao domínio do site da Igreja Universal, onde o distrital é pastor licenciado. O item, sozinho, é superior à declaração total do também pastor Rodrigo Delmasso (PTN), que declarou apenas R$ 1.250 relativos à sociedade em uma loja de moda infantil.

'Desigualdade'

Os três distritais mais ricos (veja lista abaixo) respondem, sozinhos, por quase metade do patrimônio acumulado pelos parlamentares locais. Agaciel Maia (PTN), Liliane Roriz (PRTB) e Wellington Luiz (PMDB), juntos, têm R$ 11.302.025,28 declarados – 46,9% do total.

Na outra ponta da tabela, os três parlamentares de menor patrimônio reúnem pouco mais de R$ 75 mil. O líder comunitário Lira (PHS), de São Sebastião, não declarou nenhum bem. Os R$ 1.250 de Delmasso, somados aos R$ 73 mil do Professor Israel Batista (PV), não representam nem a metade dos R$ 196 mil de Sandra Faraj (SD), que aparece logo acima no "ranking".

Conferência

A declaração de bens foi um dos documentos apresentados pelos candidatos no registro de candidatura feito à Justiça Eleitoral. A aprovação das contas é um dos requisitos para a concessão do registro, ainda no início da campanha.
Em 2009, o então diretor-geral do Senado e hoje distrital reeleito, Agaciel Maia, foi acusado de esconder do Fisco uma mansão avaliada em R$ 5 milhões. A investigação iniciada a partir dessa denúncia levou ao escândalo dos "atos secretos" – boletins e decisões administrativas colocados em vigor sem a publicação em Diário Oficial.

À época, Agaciel afirmou que o imóvel foi comprado em 1996 e registrado em nome do irmão João Maia, então deputado federal pelo Rio Grande do Norte, porque seus bens estavam indisponíveis no momento da transação. Em seguida, o político corrigiu a declaração dada à imprensa, e disse ter relacionado a mansão em seu imposto de Renda, mas "optado" por não transferir a escritura porque era um "negócio familiar".

Na declaração do parlamentar para as eleições de 2014, consta uma casa na QL 06 do Lago Sul, avaliada em R$ 912.460,00. O G1 não conseguiu contato com Agaciel para confirmar se a casa é a mesma citada nos processos.

Confira o total de bens declarados por cada distrital, em ordem decrescente


- Agaciel Maia (PTC) - R$ 5.826.291,51
- Liliane Roriz (PRTB) - R$ 3.521.733,77
- Wellington Luiz (PMDB) - R$ 1.954.000,00
- Chico Leite (PT) - R$ 1.623.116,05
- Robério Negreiros (PMDB) - R$ 1.344.884,65
- Dr. Michel (PR) - R$ 1.311.372,23
- Rafael Prudente (PMDB) - R$ 1.175.395,00
- Cristiano Araújo (PTB) - R$ 1.098.339,93
- Telma Rufino (PPL) - R$ 980.000,00
- Bispo Renato (PR) - R$ 716.387,78
- Celina Leão (PDT) - R$ 625.081,60
- Julio Cesar (PRB) - R$ 598.064,88
- Professor Reginaldo Veras (PDT) - R$ 568.000,00
- Luzia de Paula (PEN) - R$ 553.257,62
- Ricardo Vale (PT) - R$ 500.000,00
- Joe Valle (PDT) - R$ 453.512,70
- Wasny de Roure (PT) - R$ 379.365,46
- Raimundo Ribeiro (PSDB) - R$ 364.000,00
- Juarezão (PRTB) - R$ 270.000,00
- Chico Vigilante (PT) - R$ 228.172,00
- Sandra Faraj (SD) - R$ 196.212,90
- Professor Israel (PV) - R$ 72.994,19
- Rodrigo Delmasso (PTN) - R$ 1.250,00
- Lira (PHS) - não declarou nenhum bem












http://g1.globo.com/distrito-federal...9-milhoes.html
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2051  
Old Posted Jan 5, 2015, 1:22 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
Quote:
Originally Posted by MAMUTE View Post
Mesmo com saldo de R$ 1 bilhão, equipe de Rollemberg cita caixa "zerado"




Primeiro escalão passa o domingo discutindo a situação financeira e novas medidas, como a possibilidade de aumento de tarifas de ônibus e suspensão da Corrida de Reis, mas, até ontem, levantamento no sistema de Gestão Orçamentária apontava saldo de quase R$ 1 bilhão


Em seminário realizado ontem na Residência Oficial de Águas Claras, a equipe econômica de Rodrigo Rollemberg (PSB) afirmou que o caixa do GDF está “praticamente zerado”. Segundo os socialistas, a situação financeira das contas públicas é “grave” e, para pagar os salários atrasados e aqueles a vencer em 8 de janeiro, há um esforço geral do governo no sentido de viabilizar a antecipação de R$ 412 milhões do Fundo Constitucional. Apesar das dificuldades expostas pela nova composição do Palácio do Buriti, informação do Sistema Integrado de Gestão Governamental (Siggo) mostra o caixa do Distrito Federal com um saldo positivo de R$ 995.347.576,32.


O Siggo é um instrumento governamental de controle das contas públicas. A ele, fora pessoas do alto escalão do Executivo, todos os deputados distritais têm acesso. O levantamento que identificou a disponibilidade foi feito pelo gabinete do distrital Chico Leite (PT). Nele, a Conta Única do Tesouro aparece com um saldo positivo de R$ 687 milhões e a Aplicação Financeira de Liquidez Imediata com R$ 307 milhões positivos. “Em nome da transparência, a população do DF precisa conhecer esse valor exato e o governo deve estabelecer prioridades sobre como gastá-lo”, ressaltou o deputado.




Os socialistas têm feito de tudo em busca da antecipação dos R$ 412 milhões. Na última semana, o chefe do Executivo local fez um pedido expresso de ajuda ao ministro da Fazenda, Joaquim Levy. Cortar mais gastos, como a suspensão da tradicional Corrida de Reis, e aumentar a arrecadação do Estado com aumento na tarifa do transporte público são medidas estudadas pelo Palácio do Buriti para recuperar as finanças do DF. O chefe da Casa Civil, Hélio Doyle, contesta os números levantados pela assessoria de Chico Leite. “Na nossa conta, o caixa está zerado. Os números certos serão divulgados nesta semana, possivelmente na terça-feira”, afirmou.

O secretário de Fazenda, Leonardo Colombini, reafirmou, em entrevista ao Correio, que não há praticamente dinheiro disponível para quitar dívidas. “Esse valor de R$ 995 milhões ainda é referente ao balanço de 2014, que só deve ser fechado entre 8 e 10 de janeiro. Há operações ainda não computadas, por exemplo, o pagamento de servidores no último dia do ano, quando os bancos estavam fechados”, disse. Mas o ex-governador Agnelo Queiroz (PT) assegura que o montante é esse mesmo. “Temos um saldo positivo de R$ 995 milhões e o governo está para receber, sem necessidade de apresentar contrapartida, um empréstimo de R$ 500 milhões do Banco do Brasil e outro de R$ 135 milhões do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Social)”, disse o petista. “Só ficou faltando pagar R$ 113 milhões em 13º salário de quem faz aniversário em dezembro, o que estava previsto para ocorrer no dia 5 de janeiro (hoje)”, acrescentou.









http://www.correiobraziliense.com.br...xa-zerad.shtml
A midia e a contra-mídia rolando... Pior. Uai não falaram que o cofre não estava arrombado? Nossa como a mentira tem perna curta. E tem tolo que caiu direitinho no 171 eleitoral do PSB.
Reply With Quote
     
     
  #2052  
Old Posted Jan 5, 2015, 1:41 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
Quote:
Originally Posted by Agarwaen View Post
Entenda os sete mandamentos de Rollemberg para tirar o DF da crise

I - NÚCLEO CENTRAL
Cria um órgão responsável por toda a programação e a execução orçamentária e financeira do DF, o Governança-DF. Centralizará a gestão do governo e será composto por Rollemberg; pelo secretário de Fazenda; pelo de Administração e Desburocratização; pela de Planejamento, Orçamento e Gestão; pelo chefe da Casa Civil; e pelo procurador-geral do DF. Terá autoridade para estabelecer prioridades nas mais diversas áreas do governo e mexer no orçamento de todas as pastas.

II - RENEGOCIAÇÃO
Organiza os trabalhos internos a respeito do reconhecimento de dívidas da gestão anterior. Cada pasta terá até 23 de fevereiro para enviar à Governança-DF um relatório com as estimativas de despesas que ainda não foram pagas. Os secretários também terão de renegociar os contratos e tentar reduzir o custo deles em 20%. Obviamente, a companhia prestadora do serviço não precisará diminuir o valor do contrato, mas, caso se recuse, terá dificuldades para conseguir novos contratos com o GDF.

III - CRONOGRAMA
Cria um cronograma para os chefes das pastas elaborarem um relatório sobre a situação de financiamentos contraídos pelo GDF para a realização de obras públicas. O objetivo é sistematizar as informações para que haja uma maior rapidez nos procedimentos internos. Os trabalhos também visam à criação de projetos a fim de captar mais recursos com outros órgãos.

IV - RECURSO LIMITADO
As despesas de investimentos ficam contingenciadas em 100%, e as verbas de custeio da máquina, em 20%. Enquanto a Programação Orçamentária e o Cronograma de Desembolso de 2015 não for publicada, no fim de janeiro, também fica limitado o uso de recursos das secretarias em pouco mais de 16% do total. As regras não valem, no entanto, para pagamento de pessoal, decisões judiciais e recursos referentes ao Programa de Formação de Patrimônio do Servidor e dos Serviços da Dívida Fundada e Inversões Financeiras.

V - SEM CONCESSÃO
Suspende por 90 dias as concessões de benefícios fiscais e a distribuição de terrenos em andamento oferecidos pelos programas Pró-DF 1, Pró-DF 2 e Financiamento para o Desenvolvimento Econômico Sustentável (Ideas). A abertura de novos procedimentos da mesma natureza está suspensa por 120 dias. O Pró-DF serve para estimular o setor produtivo, com isenção de impostos e doação de áreas públicas para novos empreendimentos privados.

VI - CONTRATO REVISTO
A homologação de resultados de licitações está suspensa por 30 dias, à exceção de contratos previstos para expirar nesse período e relativos a áreas essenciais, como saúde e educação. Os secretários deverão abrir processo licitatório em 45 dias para substituir contratos que tenham sido celebrados de forma emergencial ou com dispensa de licitação. Se alguma suspensão de serviço estiver relacionada a irregularidades, o caso será passado à Controladoria-Geral do DF.

VII - ECONOMIA GERAL
O maior decreto, que ocupa duas das oito páginas do Diário Oficial do DF de ontem, prevê o controle de várias despesas: as pastas terão de economizar 30% das impressões em papel; o uso de carros oficiais será mais restrito; os veículos do Estado terão um limite de uso de combustível; as passagens e as diárias estão suspensas por 120 dias, entre outras ações. Afirma ainda que será feito um recadastramento de todos os funcionários públicos e uma auditoria nas folhas de pagamento.


http://www.correiobraziliense.com.br...da-crise.shtml
Nada muito diferente do que Cristovam criou e o governo dele foi um fracasso, pior que tem gente que gostou do governo dele. Sente saudades.
Reply With Quote
     
     
  #2053  
Old Posted Jan 5, 2015, 2:36 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
Será que ele leu meu pensamento... 7 administradores regionais. Apenas gostei que o Lago Sul não vai ser a Natanry. Mas continuo incredulo ainda. E por falar de falta de dinheiro, mas Rollemberg continua usando o Helicoptero.
Reply With Quote
     
     
  #2054  
Old Posted Jan 5, 2015, 7:00 PM
Jota's Avatar
Jota Jota is offline
Registered User
 
Join Date: Sep 2011
Posts: 3,488
Quote:
Originally Posted by pesquisadorbrazil View Post
A midia e a contra-mídia rolando... Pior. Uai não falaram que o cofre não estava arrombado? Nossa como a mentira tem perna curta. E tem tolo que caiu direitinho no 171 eleitoral do PSB.
É? E cade o 13 dos professores? Tbm é mentira que não foi pago? O PT adora se fingir de coitadinho....

Deve ter sido PSB que atrasou os pagamentos né? Tbm deve ter sido ele que parou os contratos? Tadinho do Agnelo pagou todo mundo mas o dinheiro não apareceu, deve ser um complô dos bancos né?

Oh coitado....
Reply With Quote
     
     
  #2055  
Old Posted Jan 5, 2015, 7:28 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
Quote:
Originally Posted by Jota View Post
É? E cade o 13 dos professores? Tbm é mentira que não foi pago? O PT adora se fingir de coitadinho....

Deve ter sido PSB que atrasou os pagamentos né? Tbm deve ter sido ele que parou os contratos? Tadinho do Agnelo pagou todo mundo mas o dinheiro não apareceu, deve ser um complô dos bancos né?

Oh coitado....
Jota me desculpe, você sabe quem paga os professores, médicos e policiais de Brasília? Outro ponto, sabe quantos profissionais são representados pela Saúde e Educação? No minimo são 40 mil. Portanto os 10 mil que tanto falam, são......TERCERIZADOS e não CONCURSADOS. E o fundo constitucional do DF cobre apenas os concursados. Tercerizados são pagos pelo próprio tesouro.

Outro ponto, falaram que Agnelo entregou o governo zerado? Então o sistema contas abertas precisa de uma auditoria... Ahhhhhh me esqueci, foi um deputado do PSB que criou a ONG.
Reply With Quote
     
     
  #2056  
Old Posted Jan 5, 2015, 7:31 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
Agora, Rollemberg aprendeu rapidamente muito bem a mentir que nem Marina Silva. Promete uma coisa e poucas horas depois se contradiz. Por favor não prometa nada que não tenha certeza ou pior, depender de uma 2a pessoa (Ministério da Fazenda) ou 3a pessoa (DILMA). E eu vou rir de ver alguem levar o troco e não receber um centavo de recursos públicos antecipados. E depois vem com a Piada de acabar com a Corrida de Reis então melhor avisar logo que não teremos Carnaval esse ano. Para não passar vergonha. Ops Carnaval não vai ter mesmo, pois vai ser em fevereiro.
Reply With Quote
     
     
  #2057  
Old Posted Jan 5, 2015, 7:34 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
E por falar em política, podem esquecer melhorias na cidade, o povo da UNB vai dominar tudo. Principalmente o Conplan. São compostos por pseudos membros da sociedade organizada. Não sabia que a UNB representa a socidade. Pois agora TODOS os conselheiros serão ligados a eles. Dias sombrios surgem e melhorias importantes não irão sair do papel. Não estranharia o Paranhos inventar cancelar o contrato com a Cemusa, derrubar todos as paradas de vidro e instalar aqueles monstrengos de concreto.
Reply With Quote
     
     
  #2058  
Old Posted Jan 6, 2015, 12:50 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,845
Temporários tocam as administrações regionais



Com promessa de ouvir deputados distritais na escolha dos chefes que comandarão as cidades, Rollemberg só vai nomear auxiliares definitivos na semana que vem. Por enquanto, o DF está dividido entre sete gestores interinos


O Governo do Distrito Federal anunciou ontem o nome de sete gestores que assumirão interinamente a chefia das 31 regiões administrativas. A escolha dos titulares definitivos das administrações ainda é negociada e eles serão divulgados, provavelmente, no começo da próxima semana. Por enquanto, Rodrigo Rollemberg (PSB) preferiu dividir o DF por macrorregiões e indicar aliados para assumir de forma temporária as unidades. O objetivo do comando do Palácio do Buriti é que os órgãos não parem de funcionar enquanto as tratativas políticas estão em andamento. ...

Como praticamente não foram consultados na formação do secretariado, os deputados distritais ficaram insatisfeitos com Rollemberg. O socialista, então, prometeu ouvir os parlamentares na escolha dos administradores. Com isso, acalmou a Câmara Legislativa e conseguiu eleger Celina Leão (PDT), como queria, para presidente da Casa. Nos bastidores, a informação, por exemplo, é que Rodrigo Delmasso (PTN) indicaria o administrador do Guará; o PRTB, de Liliane Roriz, o de Brazlândia; e Lira (PHS) o de São Sebastião.

Ontem pela manhã, na ponta da mesa do Salão Nobre do Buriti, estavam duas placas com os nomes do governador e do vice, Renato Santana, que anunciariam os administradores interinos. Antes do início da cerimônia, contudo, a placa com o nome de Rollemberg foi trocada pela do secretário de Relações Institucionais e Sociais, Marcos Dantas. Coube, então, ao chefe da pasta e ao vice divulgarem os sete nomes. Dantas explicou que o prazo para a indicação dos definitivos foi prorrogado porque o governo está levando em conta muitos critérios, como ser morador e exercer uma liderança na cidade, antes de fazer as nomeações. “Vamos concluir esse processo e, se Deus quiser, na próxima semana todos conhecerão os administradores”, prometeu Dantas.

Problemas
Questionado se o período de transição não foi suficiente para levantar esses nomes, o secretário afirmou que a cidade vive muitos problemas. “O governo tem olhado com mais atenção a demandas emergentes, como a saúde e o transporte. Claro que as adiministrações não são menos importantes, tanto é que hoje começamos a agir para não ter nenhuma paralisação de serviços”, argumentou. O vice-governador, Renato Santana, afirmou que a demora para a escolha se dá porque Rollemberg determinou que as decisões ocorram com “muita cautela”.

Renato Santana será responsável, neste primeiro momento, por Taguatinga, Ceilândia, Samambaia e Brazlândia. Morador da região mais populosa do DF, ele afirmou que tem andado pelas cidades e identificado muitos problemas. “Os interinos farão um diagnóstico da situação real de cada órgão e iniciarão os trabalhos. Por exemplo, sem administrador, quem faria a ponte com a Novacap para viabilizar operações de tapa-buraco? Agora, isso será responsabilidade dos temporários”, explicou.

Os escolhidos
Dos sete indicados, quatro concorreram a cargos públicos. O responsável pela área central, Igor Tokarski, candidatou-se pelo PSB a deputado federal no ano passado: fez pouco mais de 7 mil votos e não garantiu assento na Câmara dos Deputados. Em 1º de janeiro, foi nomeado subsecretário de Relação com os Poderes Constituídos e Órgãos, na pasta de Marcos Dantas. A tendência é que ele volte ao cargo após a oficialização dos administradores definitivos. José Edberto da Silva, chefe da Região Sul, é presidente da zonal do Guará do PSB, coordenou a campanha de Rollemberg na região no último pleito e foi administrador interino da cidade na gestão Agnelo (PT).

Wandermilson Azevedo saiu a distrital pelo Partido Verde (PV), que declarou apoio aos socialistas no segundo turno. Ele também foi diretor financeiro na Companhia de Planejamento do DF (Codeplan) e administrou o Lago Sul durante a gestão de Agnelo Queiroz (PT). Nery da Silva, do PDT, se lançou à Câmara Legislativa em 2010 e 2014, ambas as vezes sem sucesso. Em 2009, foi assessor de gabinete da administração de Santa Maria. Estevão Reis, da Região Norte, nunca se candidatou, mas foi presidente do Conselho Comunitário de Segurança de Sobradinho 2.













http://www.edsonsombra.com.br/post/n...ionais20150106
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2059  
Old Posted Jan 6, 2015, 12:52 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,845
Mas não era pra ser por inciativa popular a escolha dos administradores???

As coisas mudam rápido né
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2060  
Old Posted Jan 6, 2015, 2:19 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 25,857
Quote:
Originally Posted by MAMUTE View Post
Mas não era pra ser por inciativa popular a escolha dos administradores???

As coisas mudam rápido né
Sindrome de Marina Silva. Hoje fala uma coisa e daqui a pouco se contradiz.
Reply With Quote
     
     
This discussion thread continues

Use the page links to the lower-right to go to the next page for additional posts
 
 
Reply

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Regiões Metropolitanas Mundiais
Forum Jump


Thread Tools
Display Modes

Forum Jump


All times are GMT. The time now is 5:31 PM.

     

Powered by vBulletin® Version 3.8.7
Copyright ©2000 - 2023, vBulletin Solutions, Inc.