SkyscraperPage Forum

SkyscraperPage Forum (https://skyscraperpage.com/forum/index.php)
-   Regiões Metropolitanas Mundiais (https://skyscraperpage.com/forum/forumdisplay.php?f=688)
-   -   Parcelamentos Urbanos e Rurais no Distrito Federal - movimentos do setor (https://skyscraperpage.com/forum/showthread.php?t=196108)

pesquisadorbrazil Feb 27, 2012 6:30 PM

Quote:

Originally Posted by Viajante (Post 5606326)
Pô, vou lá perguntar se ele não quer vender por 60 mil. Se ele quiser, eu compro. :banana:
Mais um refugiado do SSC chegando (na verdade não fui expulso mas percebi que aqui já está tendo mais informações de Brasília do que lá). :tup:

Seja bem vindo a República Livre de MODERADORES DITADORES, e espero que nenhum daquela raça venha querem aportar por aqui, pois com certeza vai ser literalmente ignorado por todos.:cheers::banana::whip:

emblazius Mar 1, 2012 3:34 PM

Vendo na proposta de PDOT, verifiquei algumas coisas interessantes.

1- a famosa DF 045 - Estrada Parque Roncador, consta como malha viária, mesmo que não exista de fato. Minha dúvida é: será que se os planos fosse de mantê-la excluída, ela já não estaria fora do PDOT?

2 - analisando as marges da DF 140, verifica-se que ao longo de toda a via, até o limite do DF, se torna área urbana, sendo que hoje existe basicamente mato.

http://www.sedhab.df.gov.br/001/0010...79&btOperacao=

MAMUTE Mar 1, 2012 5:43 PM

Termo de conduta sobre a regularização dos condomínios deve ser revisto


O Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (Conplan) quer facilitar e agilizar a regularização dos condomínios horizontais. O empecilho maior está no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), assinado em 2007, que exige a prévia regularização de cada setor habitacional para liberação do registro dos condomínios. Esse processo, porém, que é de responsabilidade do GDF, é mais complicado e muito demorado.
Com base nesta exigência, no início deste ano, o Ministério Público do DF (MPDF) impugnou o registro em cartório das escrituras de dois parcelamentos aprovados pelo Conplan. O conselho é formado pelo poder público, sociedade civil organizada e órgãos técnicos, e proferiu a decisão na manhã de ontem.
muros
Uma outra dificuldade encontrada no TAC – assinado pelo GDF e MPDF – para a regularização é a necessidade de abertura dos condomínios, ou seja, a retirada de muros e guaritas. A última exigência prevê que sejam estabelecidos os locais para equipamentos públicos dentro dos setores.

O secretário de Habitação, Geraldo Magela, considera que o Ministério Público esteja em um processo efetivo para inviabilizar as regularizações. “O PDOT (Plano Diretor de Ordenamento Territorial) já permite a regularização com a manutenção dos muros. O TAC está ultrapassado. Outras legislações aprovadas trazem uma série de regulamentações sobre regularização. Estamos propondo a revisão do TAC, que tanto pode ser atualizar como simplesmente cancelar”, declara Magela.

No caso dos condomínios Lago Sul I, no Jardim Botânico, e Vivendas Lago Azul, no Grande Colorado, o espaço destinado aos equipamentos estaria fora do setor habitacional por não terem terrenos vazios para esse fim.
“Já foi ofertada uma solução que não atrapalha em nada, observando o projeto urbanístico ou ambiental, como certificou a câmara técnica, e até mesmo o bom senso” afirma Gilma Ferreira, uma das conselheiras do Conplan. Áreas fora dos setores do Grande Colorado e Jardim Botânico, ainda não regularizados, foram dadas como opção no projeto urbanístico.







http://www.jornaldebrasilia.com.br/s....php?id=392272

pesquisadorbrazil Mar 1, 2012 8:45 PM

Quote:

Originally Posted by MAMUTE (Post 5611344)
Termo de conduta sobre a regularização dos condomínios deve ser revisto


O Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (Conplan) quer facilitar e agilizar a regularização dos condomínios horizontais. O empecilho maior está no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), assinado em 2007, que exige a prévia regularização de cada setor habitacional para liberação do registro dos condomínios. Esse processo, porém, que é de responsabilidade do GDF, é mais complicado e muito demorado.
Com base nesta exigência, no início deste ano, o Ministério Público do DF (MPDF) impugnou o registro em cartório das escrituras de dois parcelamentos aprovados pelo Conplan. O conselho é formado pelo poder público, sociedade civil organizada e órgãos técnicos, e proferiu a decisão na manhã de ontem.
muros
Uma outra dificuldade encontrada no TAC – assinado pelo GDF e MPDF – para a regularização é a necessidade de abertura dos condomínios, ou seja, a retirada de muros e guaritas. A última exigência prevê que sejam estabelecidos os locais para equipamentos públicos dentro dos setores.

O secretário de Habitação, Geraldo Magela, considera que o Ministério Público esteja em um processo efetivo para inviabilizar as regularizações. “O PDOT (Plano Diretor de Ordenamento Territorial) já permite a regularização com a manutenção dos muros. O TAC está ultrapassado. Outras legislações aprovadas trazem uma série de regulamentações sobre regularização. Estamos propondo a revisão do TAC, que tanto pode ser atualizar como simplesmente cancelar”, declara Magela.

No caso dos condomínios Lago Sul I, no Jardim Botânico, e Vivendas Lago Azul, no Grande Colorado, o espaço destinado aos equipamentos estaria fora do setor habitacional por não terem terrenos vazios para esse fim.
“Já foi ofertada uma solução que não atrapalha em nada, observando o projeto urbanístico ou ambiental, como certificou a câmara técnica, e até mesmo o bom senso” afirma Gilma Ferreira, uma das conselheiras do Conplan. Áreas fora dos setores do Grande Colorado e Jardim Botânico, ainda não regularizados, foram dadas como opção no projeto urbanístico.







http://www.jornaldebrasilia.com.br/s....php?id=392272

Tem que ser revisto sim, o MP em alguns casos está paralisando os tramites de empreendimentos já CONSOLIDADOS, então com ou sem TAC, os empreendimentos já existem, e pior, no caso do Tororó e em terras perto da DF 140 são terrenos PARTICULARES, então não cabe o MP ficar dando palpite aonde não é chamado, até mesmo porque, em vez de ajudar está atrapalhando o processo.

MAMUTE Mar 12, 2012 6:13 PM

AlphaVille 1 é entregue com festa e test life



A AlphaVille Urbanismo recebeu no último dia 3 os futuros moradores do AlphaVille Residencial 1 para comemorar a entrega antecipada do empreendimento. Nesse primeiro momento, foram entregues a infraestrutura principal, como portaria, ruas e o clube do AlphaVille Residencial 1. Quem passar pelo local terá a chance de conhecer um pouco mais do conceito da companhia, dentro da proposta de um test life, no qual é vivida a experiência de morar num empreendimento da marca. Com 40 anos de atuação, a AlphaVille Urbanismo apresenta uma proposta exclusiva de planejamento urbano, com empreendimentos horizontais.












http://coletivo.maiscomunidade.com/c...ST-LIFE.pnhtml

cappires Mar 16, 2012 7:09 PM

Confesso que essa eu não sabia: ao que tudo indica, já batizaram o local que abriga os condomínios da SOF Sul, SGCV e SMAS.

Vai se chamar SHVS - Setor Habitacional Vertical Sul. Falta ainda fazer a divisão das quadras.

Menos pior do que ter como endereço "Setor de Garagens e Concessionárias de Veículos". Ficaria esquisito...

Ainda tenho curiosidade de saber o que será feito daquele bolsão de estacionamento em frente ao Living e o Prime.

cappires Mar 16, 2012 7:32 PM

Quote:

Originally Posted by cappires (Post 5630018)
Confesso que essa eu não sabia: (...) Vai se chamar SHVS - Setor Habitacional Vertical Sul.

Vixe... "papei mosca"! Esse nome existe há pelo menos 10 anos!

pesquisadorbrazil Mar 17, 2012 1:17 PM

Quote:

Originally Posted by cappires (Post 5630018)
Confesso que essa eu não sabia: ao que tudo indica, já batizaram o local que abriga os condomínios da SOF Sul, SGCV e SMAS.

Vai se chamar SHVS - Setor Habitacional Vertical Sul. Falta ainda fazer a divisão das quadras.

Menos pior do que ter como endereço "Setor de Garagens e Concessionárias de Veículos". Ficaria esquisito...

Ainda tenho curiosidade de saber o que será feito daquele bolsão de estacionamento em frente ao Living e o Prime.

Aquele asfalto todo, vai virar mais lotes.:tup:

cappires Mar 17, 2012 3:54 PM

Quote:

Originally Posted by pesquisadorbrazil (Post 5630851)
Aquele asfalto todo, vai virar mais lotes.:tup:

Não encontrei nenhuma evidência disso no Relatório Final do EIV do Park Sul.

Para quem quiser dar uma olhada, está AQUI.

Ainda não o li todo, mas não vi referência explícita a isso.

MAMUTE Mar 17, 2012 4:16 PM

:previous: Se você ver pelo Google Earth dá muito bem pra seguir com a quadra, não creio que fique aquele terreno vago...

Também o terreno deve ser da Terracap para ser vendido num futuro próximo...

Jota Mar 17, 2012 8:34 PM

Quote:

Originally Posted by MAMUTE (Post 5630993)
:previous: Se você ver pelo Google Earth dá muito bem pra seguir com a quadra, não creio que fique aquele terreno vago...

Também o terreno deve ser da Terracap para ser vendido num futuro próximo...

Acho que o terreno não é da Terracap, atualmente é área publica. Seria necessário primeiro fazer sua afetação.

cappires Mar 18, 2012 1:05 AM

Quote:

Originally Posted by Jota Ferro (Post 5631253)
Acho que o terreno não é da Terracap, atualmente é área publica. Seria necessário primeiro fazer sua afetação.

O EIV define o terreno como área destinada a Equipamentos Públicos e Comunitários, parte do Projeto Especial Integrador nº 9 - PEI-9.

Mais adiante:
PEI 9 – implantação de equipamentos públicos comunitários de abrangência regional, com as seguintes diretrizes:
a) elaborar projetos arquitetônicos específicos para os equipamentos públicos comunitários;
b) alterar ou estender o uso dos lotes ora destinados a parques infantis, no Guará I, visando à implantação de equipamentos diversos, destinados à população infantil, infanto-juvenil e idosa;
c) vincular o disposto neste inciso aos projetos especiais afins;
d) aplicar os instrumentos urbanísticos da concessão do direito real de uso e do direito de superfície;

Além disso, o PEI-9 é descrito como:
Criação de equipamentos públicos de abrangência regional: Biblioteca, Centro de pesquisa e de excelência em educação ambiental, Escola Técnica Profissionalizante voltada às atividades de produção existentes na área, Faculdade e Hospital, centros de assistência social e equipamentos de segurança.
Os equipamentos públicos deverão ser objeto de projetos arquitetônicos específicos e vinculam-se aos diversos projetos especiais.
Elaboração de projetos para os lotes destinados a parques infantis no Guará I para a transformação e/ou complementação de uso, visando a implantação de equipamentos diversos destinados a população infanto-juvenil e idosa, como gibitecas, brinquedotecas, kits malhação e centros de convivência do idoso.
Pelo menos no papel, não seria mais um empreendimento.

dummed Mar 20, 2012 2:17 AM

Não sei se postatam, mas segue mais um condomínio de alto padrão na região em cornubação entre DF-495 e Df-140.

Villa Suiça.

- Ano de lançamento: 2012
- Total de unidades: 1.290 lotes
- Lotes residenciais: 1.204
- Lotes comerciais: 86
- Área total: 777.668,12m²
- Área verde: 76.582,24m²
- Ruas com 14,00mts de largura

http://www.swisspark.com.br/Upload/G..._focada_r4.jpg

http://www.swisspark.com.br/Upload/G...a_geral_r5.jpg

http://www.swisspark.com.br/cidade-6...suica-brasilia

MAMUTE Mar 20, 2012 12:00 PM

:previous: Mais um condomínio na região, em breve teremos uma conurbação como disse o Dummed:yes: valeu por postar:tup:

emblazius Mar 20, 2012 8:50 PM

Quote:

Originally Posted by MAMUTE (Post 5634224)
:previous: Mais um condomínio na região, em breve teremos uma conurbação como disse o Dummed:yes: valeu por postar:tup:

Verdade. Dei uma olhada no Google Mapas e de fato já ocorre. Percebe-se que o que não está habitado, já está dividido para novos condomínios ou bairros, até, incrivelmente Luziânia.

Jota Mar 20, 2012 9:17 PM

Quote:

Originally Posted by dummed (Post 5633876)
Não sei se postatam, mas segue mais um condomínio de alto padrão na região em cornubação entre DF-495 e Df-140.

Villa Suiça.

- Ano de lançamento: 2012
- Total de unidades: 1.290 lotes
- Lotes residenciais: 1.204
- Lotes comerciais: 86
- Área total: 777.668,12m²
- Área verde: 76.582,24m²
- Ruas com 14,00mts de largura

http://www.swisspark.com.br/Upload/G..._focada_r4.jpg

http://www.swisspark.com.br/Upload/G...a_geral_r5.jpg

http://www.swisspark.com.br/cidade-6...suica-brasilia

Achei meio pobre as área de uso comum.
E não entendi onde fica o muro que fecha todo o condominio, ele parece que acaba sem dar a volta completa.
Outra coisa que não gosto é quando a rua corre ao lado do muro de cercamento, para mim cria uma visão feia com aquele murão ao longo de toda a rua....

dummed Mar 26, 2012 11:47 PM

Condomínios de griffe ajudam o desenvolvimento urbano na região da DF-140 (notadamente, jardim ABC)


http://www.jornaldebrasilia.com.br/e...asa/pdf/05.pdf

MAMUTE Mar 27, 2012 12:44 AM

:previous: O jardim ABC só tem a ganhar, em pouco tempo 1 ou 2 anos os lotes nas redondezas vão valorizar muito, com isso algum benefício virá, como asfalto e rede de esgoto em toda região entre outros, vamos aguardar...

MAMUTE Mar 30, 2012 1:16 PM

Condomínios privatizam área pública


http://www.jornaldebrasilia.com.br/s...f10_830036.jpg


As garagens cobertas de certas quadras da Asa Sul recebem sua regulamentação com o Plano de Preservação do Conjunto Urbanístico do Brasília (PPCUB). Quase a totalidade delas é alvo de ação intensa da Agência de Fiscalização do DF (Agefis-DF) e, inclusive, de decisão do Tribunal de Justiça do DF e Territórios (TJDFT). O problema não é exatamente a garagem coberta em si, mas a privatização de espaço público promovida pelos condomínios. São correntes, muros, cercas, guaritas e até cancelas eletrônicas que impedem a utilização do estacionamento por pessoas que não morem no prédio e mesmo a livre circulação dos pedestres.

De acordo com o artigo 70 da minuta de lei do PPCUB, está permitida a utilização de área pública com coberturas para garagens nas quadras 103 Sul, 104 Sul, 105 Sul, 110 Sul, 206 Sul, 208 Sul e 211 Sul. O subsecretário de Planejamento Urbano da Secretaria de Habitação do DF (Sedhab), Rômulo Andrade, afirma que a medida foi tomada para regularizar uma situação que, mesmo não prevista no projeto original da cidade, surgiu e se consolidou antes do tombamento e elevação a Patrimônio Cultural da Humanidade, em 1987.



No entanto, a legislação é mais abrangente que o fato em si. A reportagem do Jornal de Brasília esteve na maioria das quadras e pôde verificar que, ainda que recorrente, a garagem coberta privatizada não é comum para todos os blocos residenciais citados. Na 103 Sul, por exemplo, apenas dois dos 11 prédios possuem a garagem coberta. Porém, o texto abre brecha para que novas garagens sejam construídas a partir de sua publicação. Moradora do bloco J, Neusa Hilleshein, 61 anos, conta que não sabe muito bem sobre o assunto, mas ouviu boatos de reformas.












http://www.jornaldebrasilia.com.br/s....php?id=396779

hugokeys Apr 3, 2012 4:28 PM

Quote:

Originally Posted by dummed (Post 5633876)
Não sei se postatam, mas segue mais um condomínio de alto padrão na região em cornubação entre DF-495 e Df-140.

Villa Suiça.

- Ano de lançamento: 2012
- Total de unidades: 1.290 lotes
- Lotes residenciais: 1.204
- Lotes comerciais: 86
- Área total: 777.668,12m²
- Área verde: 76.582,24m²
- Ruas com 14,00mts de largura

http://www.swisspark.com.br/Upload/G..._focada_r4.jpg

http://www.swisspark.com.br/Upload/G...a_geral_r5.jpg

http://www.swisspark.com.br/cidade-6...suica-brasilia

Devia ser crime chamar esse condomínio de Vila Suíça - Brasilia já que ele fica em Cidade Ocidental - GO.


All times are GMT. The time now is 7:45 AM.

Powered by vBulletin® Version 3.8.7
Copyright ©2000 - 2021, vBulletin Solutions, Inc.